header top bar

section content

Irmãs mortas em cidade do Sertão da Paraíba vira destaque no programa ‘Cidade Alerta’ da Rede Record

O acusado é considerado foragido pela polícia e a principal linha de investigação é vingança, segundo o delegado responsável pelo caso. Veja!

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

09/08/2016 às 13h44 • atualizado em 09/08/2016 às 13h47

(Foto: Reprodução/ Rede Record)

Um homem matou as duas ex-cunhadas para vingar conselhos a ex-companheira, no último sábado (6), na cidade de São Bento, na região de Catolé do Rocha. O suspeito está foragido, segundo a polícia.

De acordo com familiares, José Valdemir de Souza, de 36 anos, chegou em uma moto com uma faca na mão com o intuito de matar a ex-companheira. No entanto, ele encontrou Rosilene Souto Silva, de 37 anos, trabalhando na máquina de costura e a esfaqueou.

Veja também!

Sertão: Irmãs são cruelmente assassinadas pelo ex-cunhado a golpes de faca peixeira

A irmã, Edilene Souto Silva, de 33 anos, foi tentar socorrer e também foi atingida pelo suspeito. Ela foi socorrida pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) e levada ao hospital, mas não resistiu aos ferimentos.

A principal linha de investigação é vingança, segundo o delegado responsável pelo caso, Homero Perazzo.

— Ele se revoltou porque foram as cunhadas que conscientizaram a irmã, que foi companheira de José Valdemir, a procurar a delegacia para prestar queixa. Ela (ex-mulher) já tinha medida preventiva contra ele.

A mãe das vítimas, dona Francisca Silva, afirmou em entrevista à Rede Record que o suspeito já tinha atirado contra um sobrinho. A polícia fez diligência na cidade de Riacho dos Cavalos, após uma denúncia anônima ter dito que ele estaria na cidade na casa de familiares, no entanto não o encontrou.

DIÁRIO DO SERTÃO com R7

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview