header top bar

section content

Universitários desenvolvem atividades com presidiários de Cajazeiras e diretor aponta causas do suicídio no local

Na oportunidade foram realizadas palestras e gincanas e os apenados, que também receberam orientações acerca do tema.

Por Luzia de Sousa

11/10/2016 às 15h19 • atualizado em 11/10/2016 às 15h23

Tales Almeida, falou da importância do evento e da parceria com a faculdade

Na semana passada, a direção da penitenciária padrão de Cajazeiras juntamente com os universitários de Psicologia, da Faculdade Santa Maria realizaram uma atividade alusiva ao ‘Setembro Amarelo’, mês de prevenção e combate ao suicídio.

+ Diretor do presídio faz revelações sobre morte e tentativa de homicídio em CZ. Vídeo

Na oportunidade foram realizadas palestras e gincanas e os apenados, que também receberam orientações acerca do tema.

O diretor do presídio, Tales Almeida falou da importância do evento e da parceria com a faculdade, destacando que esse ano já houve um suicídio e uma tentativa na unidade prisional.

Segundo Tales, a abstinência da droga, o abandono familiar e o confinamento resultante da restrição da liberdade são causas recorrentes dos casos de suicídio em ambientes prisionais.

.

DIÁRIO DO SERTÃO com Assessoria

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente

MARIA CALADO NA TV

Com muita irreverência, banda Gata Dengosa estoura a audiência no programa Maria Calado na TV; ASSISTA!

ENTREVISTA

VÍDEO: Artista sousense que impressionou o público com suas pinturas fala sobre sua obra e trajetória