header top bar

section content

Polícia dá detalhes sobre morte de jovem em Cajazeiras; Ele foi encontrado já sem vida

Corpo apresentava uma perfuração de arma de fogo na cabeça; revólver calibre 38 foi encontrado pela polícia em cima do muro do seminário

Por Luzia de Sousa

01/02/2017 às 12h41 • atualizado em 01/02/2017 às 16h12

O estudante Felipe Ferreira dos Santos, de 16 anos, foi encontrado morto na tarde desta quarta-feira (1º) em um terreno que fica por trás do Seminário Nossa Senhora da Assunção, no Centro de Cajazeiras. A informação foi confirmada pelo soldado Magna, do 6º Batalhão de Polícia de Cajazeiras.

+ PM prende três mulheres e um homem que assaltaram comércio na região de CZ

O corpo do adolescente apresentava uma perfuração de arma de fogo na cabeça, e um revólver calibre 38 foi encontrado pela polícia em cima do muro do seminário.

Perícia esteve no local

De acordo com o aspirante Oliveira, as primeiras testemunhas que localizaram o corpo no terreno disseram que a arma estava embaixo do cadáver, o que faz os policiais suspeitarem de suicídio. Depois o revólver foi retirado por alguém e colocado em cima do muro.

A arma foi encontrada em cima de um muro

O policial conta ainda que a mãe do jovem teria relatado que ele sofria de depressão e hoje pela manhã saiu de casa com a arma. Ao perceber, ela teria ido atrás do jovem, mas ele teria escondido o revólver. Quando voltou para casa, a mãe teria ouvido o estampido do disparo.

Os peritos do IPC estiveram no local e tomaram as providências necessárias. Informações de pessoas próximas à família dão conta de que Felipe estaria se sentindo muito triste com a perda do pai há poucos dias.

Perícia esteve no local

DIÁRIO DO SERTÃO

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula