header top bar

section content

PB: Universitária é morta a tiros a caminho da faculdade; Ela teria reagido a assalto

Meirylane seria estudante de Biomedicina, em uma faculdade particular que fica na Avenida Monsenhor Walfredo Leal

Por Luzia de Sousa

16/02/2017 às 07h23 • atualizado em 16/02/2017 às 07h26

Estudante foi morta a tiros

Uma estudante universitária foi assassinada a tiros, no bairro de Tambiá, em João Pessoa. O crime aconteceu no fim da tarde desta quarta-feira (15), perto de uma faculdade particular.

O tenente Santana, Comandante de Policiamento da Unidade (CPU) da Polícia Militar, confirmou o caso. A informação é de que ela foi morta com tiro na cabeça após ter reagido a um assalto.

As primeiras informações são de que Meirylane Thaís, de 20 anos, era filha de um policial militar e era natural de Itabaiana, mas estudava na Capital.

Dois homens teriam chegado numa moto e anunciado o assalto. Não se sabe detalhadamente, ainda, a circunstancia, mas o ocupante da garupa teria atirado no rosto da jovem, que morreu no local.

Meirylane seria estudante de Biomedicina, em uma faculdade particular que fica na Avenida Monsenhor Walfredo Leal.

Fonte: Tambaú 247-Polêmica-PB

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa

PSICOLOGIA NO AR

PERIGO: Médico neurologista faz importante alerta para quem usa remédios tarja preta para dormir

OPINIÃO CONTUNDENTE

EM DECADÊNCIA?: Ex-radialista compara as rádios de Cajazeiras a ‘relacionamento que perdeu o sabor’