header top bar

section content

Após sete anos foragido, acusado de tentar matar duas mulheres no Sertão é preso pela Polícia Civil. VEJA!

De posse de mandado e depois de fazer todas as investigações, os agentes foram até o comércio, disfarçados de clientes, e conseguiram efetuar a prisão.

Por Luzia de Sousa

28/03/2017 às 21h19 • atualizado em 28/03/2017 às 21h20

Homem foi preso acusado de tentar matar mulheres (Foto: Polícia Civil)

A equipe da Delegacia de Coremas, sob a coordenação do Delegado Seccional Glauber Fontes, prendeu, nesta terça-feira (28), na cidade de Cajazeirinhas, um homem da cidade de Coremas, acusado de tentativa de homicídio contra duas mulheres. Ele tinha um mandado de prisão aberto.

De acordo com o delegado Glauber Fontes, o crime ocorreu no ano de 2008. Segundo o delegado, após o recebimento do mandado, a  polícia passou a investigar o acusado e descobriu que após o crime o homem teria fugido para o estado de São Paulo, onde passou sete anos escondido, sem ser localizado.

+ Policiais militares fazem busca para prender assaltantes e acabam apreendendo sete tabletes de maconha. Fotos

Ainda de acordo com o delegado, o homem teria chegado há alguns meses na cidade de Cajazeirinhas, onde estava com um pequeno comércio.

De posse de mandado e depois de fazer todas as investigações, os agentes da polícia civil foram até o comércio, disfarçados de clientes, e conseguiram efetuar a prisão do acusado, que não reagiu.

Depois de preso o homem foi conduzido para a delegacia de polícia civil de Coremas, para depois ser encaminhado à cadeia pública daquela cidade, onde ficará à disposição da justiça.

DIÁRIO DO SERTÃO com a Polícia

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires