header top bar

section content

Idoso reage a assalto na Zona Rural de São João do Rio do Peixe e é agredido por bandidos

Os bandidos ainda conseguiram levar a quantia de R$ 800 do proprietário e um celular de um cliente.

Por Luzia de Sousa

18/04/2017 às 08h52

Idoso foi agredido (Foot: João Fábio)

Dois homens armados assaltaram dois estabelecimentos comerciais localizados próximos da PB-391 (Uiraúna-Sousa). A localidade fica na zona rural de São João do Rio do Peixe. A ação dos bandidos aconteceu na noite dessa segunda-feira (17), por volta das 20h.

+ 6º Batalhão de Polícia de Cajazeiras divulga os números da Operação Semana Santa com nove registros de roubos e várias ocorrências. Fotos

O primeiro assalto ocorreu próximo a Bandarra, a uma mercearia, E ao perceber que se tratava de um assalto, a proprietária conseguiu deixar o local e se esconder dos elementos. Os criminosos chegaram no estabelecimento armados com revólveres, numa motocicleta. Após render os clientes eles tomaram vários pertences: carteiras, aliança, relógio, celulares, entre outros.

Durante o assalto um idoso, que estava rendido reagiu e foi agredido a coronhadas pelos assaltantes. Uma equipe do SAMU de Uiraúna foi até o local e encaminhou o idoso com vários cortes na cabeça para a Clínica Padre Costa.

Após essa ação criminosa a dupla fingiu na moto no sentido Sousa. No caminho eles ainda assaltaram um bar que fica próximo da mercearia, na comunidade de Cachoeira da Moça, às margens da rodovia. Os bandidos ainda conseguiram levar a quantia de R$ 800 do proprietário e um celular de um cliente.

A Polícia Militar foi acionada e realizou rondas, mas ninguém foi preso.

DIÁRIO DO SERTÃO com Cofemac

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo