header top bar

section content

TRÁGICO: Estudante de 14 anos é encontrada morta no Sertão após desaparecer de casa; Tenente dos bombeiros fala sobre achado do corpo

A garota de 14 anos estudava na escola Dr. Manoel Dantas e aparentava ser uma menina tranquila, tinha muitos amigos.

Por Luzia de Sousa

17/06/2017 às 15h35 • atualizado em 17/06/2017 às 15h52

Menina foi encontrada morta pelo Corpo de Bombeiros

Desde a última terça-feira, 13, a adolescente Alexandra Avelino de 14 anos estava desaparecida. Muitos amigos, familiares e até o conselho tutelar da cidade estava na procura por informações sobre o paradeiro da adolescente; o que se encerrou na manhã desta sexta-feira com a confirmação de sua morte e com o seu corpo encontrado nas imediações da pedra do tendo no inicio da PB 262 na serra.

Após receber as primeiras informações de que a jovem teria sido vista ainda na terça subindo a pedra os policiais solicitaram as imagens do circuito interno de vigilância do bar localizado na pedra. Ao constatar viram que na imagem aparecia uma pessoa dirigindo-se ao topo da pedra e que esta não havia voltado.

Após a verificação e constatação foi pedido apoio dos membros da 4ª companhia e subido a pedra, mas sem lograr êxito, achando apenas um chinelo que foi confirmado pela mãe como sendo da garota. Devido ao clima e a noite foi decidido o retorno na manhã de hoje, sexta-feira, 16 com a presença dos bombeiros.

Resgate Já na manhã desta sexta, os membros do grupo de rapel os cobras, além, do vigilante do bar subiram até o local no ponto mais alto onde puderam avistar um corpo que posteriormente foi identificado como sendo o de Alexandra. Rapidamente foi comunicado o fato aos policiais.

A perícia criminal esteve no local, junto ao corpo de bombeiro da cidade de Patos fazendo assim o resgate do corpo.

A garota de 14 anos estudava na escola Dr. Manoel Dantas e aparentava ser uma menina tranquila, tinha muitos amigos. As redes sociais foram “bombardeadas” com os comentários a respeito da jovem.

Na tarde desta sexta-feira, o comandante do 4º Batalhão do Bombeiro Militar, Tenente Coronel Saulo Laurentino, explicou por telefone ao repórter da Rádio Espinharas, Higo de Figueiredo, como foi o trabalho de resgate do corpo.

Ouça áudio!

Do Patos Online

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan