header top bar

section content

Preso após agredir mulher, homem destrói parte da cela da delegacia de Cajazeiras e quase consegue fugir

Paulo Renato Ribeiro Pereira, mais conhecido como "Carioca", foi preso após agredir a ex-companheira e infringir ordem judicial de medida protetiva

Por Jocivan Pinheiro

16/07/2017 às 12h00 • atualizado em 16/07/2017 às 12h14

Carioca destruiu parte da parede da cela onde estava

Paulo Renato Ribeiro Pereira, mais conhecido como “Carioca”, de 30 anos, foi preso nesta sexta-feira (14), em Cajazeiras, após agredir a ex-companheira, infringindo também uma ordem judicial de medida protetiva que o impede de se aproximar da vítima.

Segundo informações da Polícia Militar, Carioca havia sido posto em liberdade na terça-feira (11), e já no dia seguinte tentou contra a vida da ex-companheira. Não obtendo êxito, ele se aproximou novamente da vítima nesta sexta e desferiu-lhe um soco.

VEJA TAMBÉM: Arma, motos, drogas e 12 pessoas são apreendidas e levadas à delegacia após operação na cidade de Sousa

De imediato a PM conseguiu prender o acusado e encaminhá-lo até a delegacia, onde ficou detido. Mas durante a noite, Carioca destruiu parte da parede da cela onde estava e quase fugiu.

Na manhã deste sábado (15), ele foi ouvido pelo delegado e em seguida transferido para o Presídio Padrão de Cajazeiras, onde permanecerá à disposição da Justiça.

DIÁRIO DO SERTÃO

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula