header top bar

section content

Ministério Público investiga matança de animais no Sertão e pede ‘cabeça’ de secretário

Também foi concedido prazo de cinco dias para que o prefeito preste informações referentes ao levantamento do número de animais nas ruas.

Por Luzia de Sousa

08/03/2018 às 17h51

Momento que os animais estavam sendo recolhidos

A Promotoria de Justiça de Piancó instaurou um inquérito civil público, nesta quarta-feira (7), para apurar denúncia de mortes a pauladas de aproximadamente 50 cachorros no interior de imóvel público em Igaracy, no Sertão do Estado. O caso aconteceu na terça-feira (6) e ganhou grande repercussão nas redes sociais com o compartilhamento de imagens e vídeos, que aportaram na promotoria. De acordo com informações, a matança teria ocorrido sob a responsabilidade direta e pessoal do secretário José Carlos Maia, que teria autorizado ou permitido o ato, ainda que por omissão.

VEJA TAMBÉM!

+ Famosa ativista brasileira chora após saber da matança de mais de 30 cachorros no Sertão da Paraíba

+ VÍDEO: Secretário do Sertão vira alvo do MP por mandar matar mais 30 cachorros abandonados nas ruas

REVOLTA: Homem mata gato enforcado e sai exibindo animal morto pelas ruas da cidade de Cajazeiras

+ Mulher chora e diz que cachorro de rua foi atingindo com ‘paralelepípedo’ em Cajazeiras; animal morreu

De acordo com informações da promotoria, o secretário teria cometido, em tese, infração penal e ato de improbidade administrativa decorrente do exercício do cargo. Por isso, foi encaminhado ofício ao prefeito de Igaracy, José Carneiro Almeida da Silva, requisitando a exoneração imediata de José Carlos Maia do cargo de secretário de Saúde, haja vista a flagrante violação aos princípios da legalidade, moralidade e legitimidade, inerentes ao cargo público, bem como para não atrapalhar as investigações.

Também foi concedido prazo de cinco dias para que o prefeito preste informações referentes ao levantamento do número de animais nas ruas, com as respectivas zoonoses e laudos veterinários, comprovando as doenças, bem como, quanto à retirada e transporte, detalhando ainda como se procedeu a matança dos animais, de acordo com as normas sanitárias.

O mal só prospera, qd as pessoas de bem se calam! Não assistiremos este massacre! Lutaremos por eles! A Promotoria de Justiça de Piancó instaurou um inquérito civil público, nesta quarta-feira (7), para apurar denúncia de mortes a pauladas de aproximadamente 50 cachorros no interior de imóvel público em Igaracy, no Sertão do Estado. O caso aconteceu na terça-feira (6) e ganhou grande repercussão nas redes sociais com o compartilhamento de imagens e vídeos, que aportaram na promotoria. De acordo com informações, a matança teria ocorrido sob a responsabilidade direta e pessoal do secretário José Carlos Maia, que teria autorizado ou permitido o ato, ainda que por omissão. De acordo com informações da promotoria, o secretário teria cometido, em tese, infração penal e ato de improbidade administrativa decorrente do exercício do cargo. Vms mandar email para o secretário? Email: maia.aguiarpb@gmail.com #chacinadecaes #todosjuntospelosanimais #todosporjustiça

Uma publicação compartilhada por Luisa mell (@luisamell) em

O Ministério Público também encaminhou ofício para a Delegacia de Polícia Civil, requisitando a instauração de inquérito policial, inclusive para preservação e realização de imediata perícia no local do crime.

Ainda de acordo com informações da promotoria, considerando as primeiras informações de que o Secretário Municipal de Saúde é médico veterinário, foi determinada a expedição de ofício para o Conselho Regional de Medicina Veterinária da Paraíba, requisitando a instauração de procedimento administrativo com vistas à aplicação das sanções administrativas e disciplinares inerentes à atividade de médico veterinário.

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula