header top bar

section content

Acusados de matar segurança prestam depoimento e são liberados; delegado revela motivo do crime. Vídeo!

O homicídio aconteceu às 16h da terça-feira (09) na cidade de Sousa e a vítima estava trabalhando para uma empresa de segurança no clube em Sousa

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

12/02/2016 às 09h36 • atualizado em 13/02/2016 às 12h17

Os dois envolvidos no assassinato do segurança Edvaldo Laurentino da Gama, de 27 anos, se apresentaram na quinta-feira (11) na delegacia, prestaram depoimento ao delegado Carlos Seabra e depois foram liberados. O homicídio aconteceu às 16h da terça-feira (09) na cidade de Sousa e a vítima estava trabalhando para uma empresa de segurança particular durante a festa de Carnaval do Riachão Campestre Clube.

De acordo com o delegado, o jovem identificado como Rafael, de 18 anos, se apresentou durante a tarde na delegacia juntamente com o advogado e durante o depoimento ele afirmou que apenas estava conduzindo a moto, ou seja, estava apenas acompanhando o acusado Matheus, de 18 anos, autor dos disparos, que também compareceu à delegacia acompanhado de seu advogado.

Vítima ainda foi socorrida para o Hospital (foto: Diário do Sertão)

Após prestarem depoimento, os dois envolvidos no crime foram liberados, já que não havia mais flagrante. “Nós só podemos prender alguém se for em flagrante, ou quando a justiça determina a prisão, e por isso, os acusados foram liberados após prestarem suas versões sobre o fato”, disse o delegado.

Vigilante foi morto a tiros em Sousa (foto: Diário do Sertão)

Ainda segundo o delegado, testemunhas afirmaram que a confusão começou quando os acusados estavam na moto dando “cavalo-de-pau” no estacionamento do clube. O segurança teria pedido para eles pararem de fazer as manobras, e um deles se irritou foi em casa, voltou armado e praticou o crime.

O sepultamento
O corpo do segurança foi sepultado na manhã da quinta-feira (11) em um cemitério em João Pessoa. Amigos, familiares e colegas de trabalho se emocionaram durante a despedida.

sepultamento_vigilante_morto_clube_sousa

DIÁRIO DO SERTÃO

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda

AO VIVO NA TV

BOMBA! Ator cajazeirense revela que foi estuprado quando era coroinha de igreja: “Fui pra missa chorando” – ASSISTA!

TEM POTENCIAL

VÍDEO: Atleta cajazeirense pede ajuda pra realizar sonho de correr a São Silvestre; veja como patrocinar