header top bar

section content

Maranhão diz que Estado está “no vermelho” e será difícil negociar com os delegados

O governador José Maranhão afirmou em entrevista na manhã desta segunda-feira (13), durante lançamento do Banco de Olhos no Hospital de Emergência e Trauma, que a Paraíba está no vermelho e vê dificuldades para apresentar uma proposta plausível aos delegados de Polícia Civil da Paraíba. Segundo Maranhão, o governo continua estudando uma proposta e negociando […]

Por

13/04/2009 às 14h29

O governador José Maranhão afirmou em entrevista na manhã desta segunda-feira (13), durante lançamento do Banco de Olhos no Hospital de Emergência e Trauma, que a Paraíba está no vermelho e vê dificuldades para apresentar uma proposta plausível aos delegados de Polícia Civil da Paraíba.

Segundo Maranhão, o governo continua estudando uma proposta e negociando com os delegados o encaminhamento de uma solução que não será fácil.

“Todos sabem que no governo anterior foram feitos 31 planos de cargos e salários que oneraram a receita do estado em quase 20%”, justificou o governador.

“Isso representa um valor muito alto para um estado que trabalha sempre no vermelho, pela carência de recursos e, sobretudo, pelos encargos”, completou Maranhão.

Maranhão garantiu que Segurança Pública seria prioridade. Os primeiros relatórios de auditores no Tribunal de Contas do Estado (TCE) dão conta de que, no mês de março, o Governo do Estado não cumpriu os índices de investimentos estabelecidos pela Constituição Federal. Em entrevista à imprensa o governador José Maranhão (PMDB) não soube explicar a razão pela falta de investimento.

EDIMILSON PEREIRA

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis