header top bar

section content

Representante da Igreja Católica na Paraíba diz que decisão do TSE foi "equívoco&quot

O arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, disse nesta sexta (21) em entrevista à 98 FM, da Correio Sat, que a cassação de Cássio Cunha Lima foi um equívoco e que não aceita a decisão do TSE. Na opinião de Dom Aldo o julgamento de Cássio foi um jogo de cartas marcadas. Dom Aldo, visivelmente […]

Por

21/11/2008 às 20h54

O arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, disse nesta sexta (21) em entrevista à 98 FM, da Correio Sat, que a cassação de Cássio Cunha Lima foi um equívoco e que não aceita a decisão do TSE. Na opinião de Dom Aldo o julgamento de Cássio foi um jogo de cartas marcadas.

Dom Aldo, visivelmente abatido e revoltado com a manutenção do que ficou decidido no TRE da Paraíba há mais de um ano, ou seja a destituição de Cássio do cargo de governador , disse que a cassação representa uma péssima decisão para o Estado.

Na opinião de Dom Aldo, Cássio Cunha Lima não teve direito à defesa. O arcebispo disse, ainda, que não teme que sua declarações gerem polêmica na comunidade católica.

Da Redação, com informações de Anderson Soares, da Correio Sat

Tags:
"RASGARAM A CONSTITUIÇÃO"

VÍDEO: Para o vice-prefeito de Sousa, Lula é um preso político: “A injustiça dói em qualquer um”

TESTEMUNHO AO VIVO

VÍDEO: Pastor sentenciado a 32 anos de prisão diz que foi visitado por Deus na cadeia e saiu em 30 dias

SERÁ CANDIDATO?

VÍDEO: De cortador de cana a vice-prefeito, Marcos do Riacho do Meio fala sobre sucessão a José Aldemir

AO VIVO NA TV

VÍDEO: Servidor da Prefeitura de Cajazeiras cobra salário atrasado e revela situação bem difícil em casa