header top bar

section content

Representante da Igreja Católica na Paraíba diz que decisão do TSE foi "equívoco&quot

O arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, disse nesta sexta (21) em entrevista à 98 FM, da Correio Sat, que a cassação de Cássio Cunha Lima foi um equívoco e que não aceita a decisão do TSE. Na opinião de Dom Aldo o julgamento de Cássio foi um jogo de cartas marcadas. Dom Aldo, visivelmente […]

Por

21/11/2008 às 20h54

O arcebispo da Paraíba, Dom Aldo Pagotto, disse nesta sexta (21) em entrevista à 98 FM, da Correio Sat, que a cassação de Cássio Cunha Lima foi um equívoco e que não aceita a decisão do TSE. Na opinião de Dom Aldo o julgamento de Cássio foi um jogo de cartas marcadas.

Dom Aldo, visivelmente abatido e revoltado com a manutenção do que ficou decidido no TRE da Paraíba há mais de um ano, ou seja a destituição de Cássio do cargo de governador , disse que a cassação representa uma péssima decisão para o Estado.

Na opinião de Dom Aldo, Cássio Cunha Lima não teve direito à defesa. O arcebispo disse, ainda, que não teme que sua declarações gerem polêmica na comunidade católica.

Da Redação, com informações de Anderson Soares, da Correio Sat

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview