header top bar

section content

Chagas Amaro surpreende e vota contra extinção da Taxa de Iluminação Pública

O pmdbista ainda tentou convencer que o requerimento não fosse aprovado e consequentemente votado, mas por sete votos a um, os vereadores optaram pelo tão desejado fim da taxa.

Por

22/10/2008 às 14h34

A Polêmica Taxa de Iluminação Pública Municipal (TIP) ainda continua repercutindo em Cajazeiras. Ontem, em sessão da Câmara Municipal, os vereadores aprovaram, por sete votos contra um, e com apenas uma abstenção, o tão desejado fim da taxa, que a partir do dia 1º de Janeiro passa a não mais existir na cidade.

A surpresa da noite está por conta do vereador Chagas Amaro (PMDB), que votou contra a extinção da taxa. A atitude do pmdbista é, no mínimo, estranha, já que ele, junto com o vereador Severino Dantas, que se absteve de votar, sempre fizeram parte da forte oposição ao governo Carlos Antonio e defendiam o fim da taxa. 

Chagas Amaro ainda tentou convencer que o requerimento não fosse aprovado e entrasse em processo de votação na Câmara. Com as atitudes, a dupla mais famosa da Oposição cajazeirense, Chagas e Severino, causou certa confusão na cabeça de seus colegas legislativos e desconfiança nos simpatizantes de esquerda do município.

Os vereadores Valderi Dias e Evangelista Nobre, este último idealizador do requerimento, lamentam as decisões de Chagas e Severino, mas, segundo eles, elas já não importam mais, e o momento é de comemorar a vitória conquistada.

Da redação do Diário do Sertão

Tags:
EMPODERAMENTO

VÍDEO: Associação dos Ciclistas de Cajazeiras promove neste final de semana pedal dedicado às mulheres

OUTRO LADO

Secretário de saúde diz que verbas federais serão mantidas e que o SAMU de Cajazeiras não vai fechar

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa