header top bar

section content

Prefeito pede obra, mas é esquecido por Ricardo Coutinho na entrega. Ele revela traição e diz: ‘Levei pé na cara’

Mesmo sendo autor da solicitação da obra, ele não estará na cerimônia de entrega por causa de intrigas políticas - VEJA VÍDEO!

Por Jocivan Pinheiro

17/03/2016 às 16h18 • atualizado em 29/03/2016 às 19h08

O prefeito de Bom Jesus, Roberto Baima (PSDB), participou ao vivo do programa Olho Vivo, da TV Diário do Sertão, nesta quinta-feira (17), para divulgar a programação da tradicional Festa de São José, que acontece no próximo sábado (19) no distrito de São José, zona rural do município. Mas ele também comentou sobre a visita do governador Ricardo Coutinho (PSB) a Bom Jesus nesta sexta, para entregar a reforma de uma escola, e sobre os últimos acontecimentos políticos no município, como a saída de algumas lideranças da sua base aliada.

Sobre a visita do governador, Baima explicou que a solicitação para a reforma da escola foi feita por ele ao deputado Ricardo Barbosa (PSB) quando este ainda era diretor da Suplan (Superintendência de Obras do Plano de Desenvolvimento do Estado) no governo de Ricardo. Porém, mesmo sendo o autor da solicitação, ele certamente não estará na cerimônia de entrega da obra por causa de intrigas políticas.

– Até agora não recebi convite para participar como prefeito daquela cidade, e eu acho que deselegante será se acontecer de eu ir para lá de intruso. Não fui convidado, então eu tenho mais é que agradecer pela obra, mais nada posso fazer – justificou o prefeito.

Apesar de ser oposição ao governador, Roberto Baima o poupou de maiores críticas. Disse até que admira o estilo de gestão do socialista, mas lamentou que hoje em dia ele esteja ladeado por pessoas que só fizeram Bom Jesus “afundar”.

– Eu não sou intrigado do governador. Muito pelo contrário. Admiro o trabalho dele. Que Deus o proteja e o traga com muita saúde. E em nome da população de Bom Jesus eu agradeço por ele ter atendido o pedido meu, provando que esse povo que está do lado dele, que passaram a vida toda no poder, nunca pediram nada. Aquele colégio tinha vinte e tantos anos que não tinha uma reforma, que não tinha uma mão de cal.

Rompimentos políticos
Nos últimos dias Roberto Baima viu sua base aliada perder alguns nomes considerados importantes na política do município, que se aliaram ao esquema adversário. Mas a debandada não foi uma surpresa, pois, segundo ele, já havia um “projeto de traição” definido. “Foi tudo guardado a sete chaves, mas o projeto de traição estava pronto”, disse.

A única “traição” pela qual ele foi surpreendido foi a do vereador Neco de Chica, que é seu colega de partido. “Foi um cara que eu escolhi para ser o mais novo político de Bom Jesus, e essa escolha subiu para a cabeça e ele achou que não precisava mais de mim, botou as duas mãos no chão, jogou os dois pés na minha cara e passou para o outro lado.”

Festa de São José
Evento que vem se consolidando dentro do calendário turístico da região, a Festa de São José acontece no próximo sábado no distrito de São José. As atividades alusivas à festa já começam pela manhã com uma maratona. Em seguida será oferecido um café comunitário. À tarde terá uma sessão especial da Câmara no distrito e à noite shows com as bandas Toca do Vale, Bole Bole e Delegado do Forró.

DIÁRIO DO SERTÃO

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda