header top bar

section content

Vereador detona prefeito “ditador” da região de Sousa e confirma candidato da oposição

Ex-policial e agora vereador abriu o jogo sobre a política da sua cidade em uma polêmica entrevista no programa Interview

Por Jocivan Pinheiro

11/05/2016 às 16h39 • atualizado em 11/05/2016 às 17h27

O ex-policial militar e agora vereador Carlos José (PMDB), da cidade de Marizópolis, abriu o jogo sobre a política da sua cidade em uma polêmica entrevista no programa Interview, da TV Diário do Sertão.

Filho de um funcionário público com uma dona de casa, Carlos José nasceu e se criou no distrito de São Gonçalo, município de Sousa, levando sempre uma vida bastante humilde. Mas é em Marizópolis que ele atua politicamente.

Veja também:

Prefeito da região de Sousa é acusado pagar diárias a motorista particular como transportasse pacientes

Vídeos íntimos de mulher de Marizópolis vazam no whatsApp; Eles são um dos mais vistos até agora

Justiça Federal condena ex-prefeita de Marizópolis a 18 anos de cadeia

Após 24 anos de farda, se aposentou e ingressou na vida política, se elegendo vereador em 2012. De lá para cá, exerce forte oposição ao governo do prefeito de Marizópolis, José Vieira da Silva (PSC), contra o qual ele fez sérias denúncias no programa.

Segundo o parlamentar, em Marizópolis existe uma antiga “ditadura de Zé Vieira” que ele não podia combater na época em que era policial, mas agora, como vereador, pode.

Carlos faz parte do grupo dos quatro vereadores de oposição da cidade que tentam tirar o atual prefeito do poder denunciando supostos escândalos. Porém, segundo ele, Zé Vieira controla o município como um coronel e tem poder, inclusive, sobre a Câmara de Vereadores.

Ele conta que se a Justiça passasse uma semana investigando a administração municipal de Marizópolis, não daria conta de tantos escândalos, entre eles a Operação Andaime, que investiga fraudes em licitações de obras.

Segundo o vereador, mesmo a operação estando ainda em andamento, continuam acontecendo desvios de verbas em obras no município, sobre os quais já foram feitas várias denúncias, mas nada acontece.

Carlos afirma que Zé Vieira não assina nenhuma obra, pois estão todas em nome de “laranjas”, e comparou os supostos escândalos em Marizópolis aos da Operação Lava Jato.

O prefeito teria até ameaçado derrubar a igreja Assembleia de Deus da cidade “se ficassem falando besteira”. De acordo com o vereador, Zé Vieira não gosta de crente, de negro, nem de pescador.

Carlos José sonha em ser prefeito, mas sua candidatura só acontecerá para as eleições de 2020.

DIÁRIO DO SERTÃO

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda

AO VIVO NA TV

BOMBA! Ator cajazeirense revela que foi estuprado quando era coroinha de igreja: “Fui pra missa chorando” – ASSISTA!