header top bar

section content

PMDB vai expulsar senadora Katia Abreu

Katia Abreu (TO) defendeu o mandato da ex-presidente Dilma Rousseff e se posicionou contra o impeachment.

Por Luzia de Sousa

03/09/2016 às 00h03 • atualizado em 02/09/2016 às 17h13

Kátia Abreu deve deixar o PMDB

A senadora Katia Abreu (TO) atuou para defender a ex-presidente Dilma Rousseff durante o processo de impeachment e a relação da parlamentar com o PMDB ficou prejudicada.

O blog de Matheus Leitão, do G1, conversou com peemedebistas que confirmaram que a ex-ministra de Dilma será expulsa do partido e que o processo deve começar em breve. O partido ainda discutiu o caso de Roberto Requião (PR), outro senador do PMDB que votou contra o impedimento da ex-presidente.

A publicação explica que a legenda considera que Katia está na vida política “de passagem, muda de posição, de partido e de lado com muita facilidade e rapidez”, disse um peemedebista que acredita que Katia não é e não tem nada com o PMDB.

A senadora atuou incansavelmente contra o impeachment de Dilma e pequenos grupos do PT já chegam a cogitar o nome de Katia Abreu para estar numa eventual chapa em 2018 como vice de Lula, caso o ex-presidente seja candidato ao cargo.

Notícia ao Minuto

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Garotinha de Cajazeiras que não tem os membros dá lição de vida e emociona com sua história

VÍDEO

Historiador diz não ‘concordar’ com mudança na data comemorativa de emancipação política de Cajazeiras

DETALHES DO JÚRI

VÍDEO: Secretária revela bastidores do julgamento do caso Érika e diz que houve distinção de tratamento

22 DE AGOSTO

VÍDEO: Prefeitura de Cajazeiras corre para conseguir recapear todas as entradas antes do dia da cidade