header top bar

section content

Juíza impugna registro de candidatura a vereador cajazeirense por falta de filiação partidária; confira!

O motivo da impugnação do registro de candidatura do candidato cajazeirense pela coligação O Trabalho Continua foi a falta de filiação partidária válida

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

11/09/2016 às 14h05 • atualizado em 11/09/2016 às 14h10

Adriano da Vila Nova (Foto: Reprodução: TV Diário do Sertão

A Juíza da 42ª Zona Eleitoral Adriana Lins Bezerra julgou procedente a impugnação do registro de candidatura de Adriano Rodrigues da Silva (Adriano da Vila Nova), candidato cajazeirense a vereador pela coligação O Trabalho Continua (PTB, / PSC / PROS / PR / PMN / DEM / PMB / PT DO B / PHS / PDT / PSB / PV / PEN / PSDC / PRB).

Conforme sentença publicada em 09 de setembro de 2016, o motivo da impugnação do registro de candidatura do candidato foi a falta de filiação partidária válida.

O candidato emitiu nota afirmando que continua sendo candidato. Segundo ele, o seu partido PTB tem julgamentos no TSE que favorecem a sua situação, praticamente anulando o pedido de indeferimento feito pela juíza de primeira instancia.

DIÁRIO DO SERTÃO com Portal CZN

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula