header top bar

section content

CZ: Rejeitada em 2014, vereador aliado de Denise promete ‘ressuscitar’ fim de taxa

Depois de várias discussões, o requerimento foi negado e a população continuou pagando a taxa.

Por Luzia de Sousa

16/10/2016 às 13h11 • atualizado em 16/10/2016 às 13h17

A taxa de iluminação pública vai voltar a ser discutida na Câmara Municipal de Cajazeiras, foi o que afirmou o vereador eleito Rivelino Martins (PSB), em entrevista a imprensa de Cajazeiras neste domingo (16).

No ano de 2014, o vereador e eleito vice-prefeito, Marcos do Riacho do Meio (PT) apresentou um requerimento verbal solicitando da prefeita Denise Albuquerque (PSB) a isenção da taxa.

O requerimento foi aprovado por unanimidade, obtendo 14 votos, pois o presidente Nilson Lopes (Nilsinho-PSD) não votou.

Marcos disse na época que esperava que a prefeita atendesse o requerimento, pois beneficiaria toda população. “Sou vereador de oposição, mas se Denise aceitar esse pedido vou bater palma para ela”.

Depois de várias discussões, o requerimento foi negado e a população continuou pagando a taxa.

DIÁRIO DO SERTÃO

CALDEIRÃO POLÍTICO

VÍDEO: Aliado releva que dois vereadores de oposição estão rasgando elogios ao prefeito Airton Pires

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe o professor Sérgio Cunha divulgando o IV Open paraibano de Karatê; Confira!

CASA NOVA

Locutor esportivo troca de emissora de rádio em Cajazeiras e revela mágoa: “Tomei uma pancada violenta”

NOVIDADES

VÍDEO: Novo padre da Paróquia São João Bosco confirma que pretende revitalizar a Praça Camilo de Holanda