header top bar

section content

Lira e Hugo Motta vão ao Ministério da Integração com Deputados e Prefeitos buscar soluções para a crise hídrica e antecipar conclusão da Adutora do Pajeú

O objetivo é antecipar a conclusão da obra em aproximadamente 1 ano, atendendo a situação emergencial dos municípios da região.

Por Priscila Belmont

04/05/2017 às 09h43

Participaram os prefeitos de Água Branca; de Maturéia; de Teixeira, de Mãe D’Água, de Desterro e de Cacimbas.

O Senador Raimundo Lira (PMDB-PB) e o Deputado Federal Hugo Motta (PMDB-PB) estiveram no Ministério da Integração Nacional nesta quarta-feira (03) para discutir, com o Ministro Helder Barbalho, soluções para a crise hídrica que assola os municípios da região de Teixeira, solicitando antecipação na conclusão das obras da Adutora do Pejeú.

Além de Lira e Hugo Motta, estavam presentes o Deputado Federal Aguinaldo Ribeiro (PP-PB); os Deputados Estaduais Nabor Wanderley e Ricardo Barbosa; e o Superintendente do Departamento Nacional de Obras Contra as Secas – DNOCS, Ângelo José de Negreiros Guerra.

Também participaram os prefeitos de Água Branca, Éverton Firmino (Tom); de Maturéia, José Pereira Freitas da Silva (Zé Pereira) – que estava acompanhado do Vice-Prefeito Alexandre Alves de Lima; de Teixeira, Edmilson Alves dos Reis (Nego de Guri); de Mãe D’Água, Francisco Cirino (Cirino); de Taperoá, Jurandi Gomes Farias (Jurandi Pileque); de Imaculada, Aldo Lustosa da Silva (Dada Lustosa); de Desterro, Valtécio de Almeida Justo (Senhor); e de Cacimbas, Geraldo Terto da Silva (Léo).

Durante a reunião o Ministro Helder Barbalho confirmou que vai solicitar ao Presidente Michel Temer a liberação de R$ 25 milhões para concluir a 1ª etapa da Adutora do Pajeú e a destinação de R$ 150 milhões para a execução da 2ª etapa. O objetivo é antecipar a conclusão da obra em aproximadamente 1 ano, atendendo a situação emergencial dos municípios da região.

Também ficou definido que dois Municípios que não estavam contemplados no projeto inicial da Adutora do Pajeú passarão a ser beneficiados: Maturéia e Água Branca.

Já a cidade de Mãe D’Água também será beneficiada com abastecimento, podendo ser através da própria Adutora do Pajeú ou de uma adutora a ser construída a partir do Açude Capoeiras, beneficiando também dois distritos da cidade, cuja definição sairá após estudos que serão realizados pelo DNOCS.

Assessoria

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan