header top bar

section content

Ricardo discute retomada do projeto Cooperar e financiamento para obras hídricas com Banco Mundial

Na ocasião, Ricardo Coutinho demonstrou interesse na renovação do projeto Cooperar e ressaltou a importância de investimentos em ações que tragam segurança hídrica para a população paraibana.

Por Priscila Belmont

03/07/2017 às 17h18

Governador Ricardo Coutinho com representantes do Banco Mundial

O governador Ricardo Coutinho se reuniu, nesta segunda-feira (3), na Granja Santana, com representantes do Banco Mundial para discutir questões relacionadas ao projeto Cooperar e à negociação de empréstimo de cerca de US$ 250 milhões para investimentos em obras hídricas. Participaram da audiência o diretor do Banco Mundial no Brasil, Martin Raiser, o Especialista em Água e Saneamento do Banco Mundial, Thadeu Abicalil, o secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, e o presidente da Companhia de Águas e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Hélio Cunha Lima.

Governador Ricardo Coutinho com representantes do Banco Mundial

Na ocasião, Ricardo Coutinho demonstrou interesse na renovação do projeto Cooperar e ressaltou a importância de investimentos em ações que tragam segurança hídrica para a população paraibana. “Vejo a água como chave para o desenvolvimento das regiões, por isso é tão essencial encontrarmos meios para investirmos em obras hídricas. Estamos implantando, com recursos próprios, a TransParaíba e, junto com outras obras, fará com que o nosso Estado tenha a melhor distribuição das águas do rio São Francisco. Esse empréstimo será de grande relevância para a Paraíba. Já em relação ao Cooperar, queremos retomar o projeto assim que possível. Temos capacidade de investimento e um bom planejamento para renovação do Cooperar, combinado com melhorias na infraestrutura e segurança hídrica no Estado”, frisou.

“Estamos retomando o diálogo, iniciado no ano passado, visando dar continuidade aos investimentos no Cooperar e no setor hídrico da Paraíba. Buscamos contribuir com estados com boa gestão para gerar êxito nos resultados dos investimentos. A Paraíba demonstra um bom crescimento nos últimos anos, boa situação fiscal e queremos avançar no apoio ao Estado”, disse o diretor do Banco Mundial no Brasil, Martin Raiser.

O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos, Meio Ambiente, Ciência e Tecnologia, João Azevedo, explicou que a audiência é a continuidade de duas reuniões que aconteceram na semana passada com o Banco Mundial sobre o Cooperar e ações na área hídrica. “Essa reunião institucional vem discutir o encaminhamento de todo o processo junto ao Banco Mundial, assim faremos com que a Paraíba tenha grandes investimentos. O empréstimo de cerca de US$ 250 milhões, quando liberado, será para reforçar um dos ramais da TransParaíba, além da construção de grandes barragens, conclusão do sistema de esgotamento sanitário de João Pessoa, implantação do esgotamento sanitário em 14 cidades do Estado, entre outros. Vamos entregar a carta consulta o quanto antes para avançar o processo do empréstimo”, pontuou.

Ainda de acordo com o secretário João Azevedo, os recursos do empréstimo também serão utilizados na melhoria de órgãos como a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), Agência Executiva de Gestão das Águas (Aesa) e Agência de Regulação do Estado da Paraíba.

Secom-PB

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan