header top bar

section content

VÍDEO: Com crises financeira e política, como comemorar Natal no ano que foi o pior dos últimos tempos?

Investimentos na educação, saúde, segurança etc. caíram drasticamente. O resultado foi o agravamento de realidades que há pouco tempo haviam melhorado

Por Jocivan Pinheiro

13/12/2017 às 16h30

Olivan Pereira fez um desabafo na coluna Direto ao Ponto da semana. Seu comentário gira em torno de 2017, um ano que para ele foi um dos piores dos últimos tempos, sobretudo para os pobres.

Com as crises financeira e política agravadas, os investimentos na educação, saúde, segurança etc. caíram drasticamente. O resultado foi o agravamento também de realidades que há pouco tempo haviam melhorado sutil, mas significantemente.

Pessoas morrendo nos hospitais, falta de segurança, falta de investimento na educação, leis que são cumpridas para uns e não para outros, dinheiro público usado para comprar políticos, candidatos envolvidos em quadrilhas criminosas são alguns dos problemas que ficaram mais evidentes em 2017, segundo Olivan.

DIÁRIO DO SERTÃO

EX-REITOR DA UFCG

VÍDEO: Thompson Mariz quer Ricardo no Senado e confirma João Azevedo para governador: “Não tem plano B”

VÍDEO

Coordenador da Energisa garante melhoria e dá dicas sobre ‘queda’ de raios durante o período de inverno

ENTREVISTA

No Xeque-Mate, corretor avalia que Cajazeiras é melhor do que Sousa para investir no mercado imobiliário

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!