header top bar

section content

Tyrone diz que pode se unir a ‘inimigos’ e acusa André de ‘estelionato eleitoral’ Vídeo!

O ex-prefeito de Sousa teve a oportunidade de rebater as críticas do atual prefeito no programa Olho Vivo, da TVDS, e não aliviou

Por

29/01/2016 às 17h35

O ex-prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (PSB), teve a oportunidade de rebater as críticas e acusações do atual prefeito André Gadelha (PMDB) na manhã desta quinta-feira (28) no programa Olho Vivo, da TV Diário do Sertão, e não aliviou.

Em dezembro, no mesmo programa, André insinuou que Tyrone desviou dinheiro público quando era prefeito e que agora está querendo voltar à prefeitura porque estaria passando por dificuldades financeiras.

VEJA: André cita possíveis vices, diz que Tyrone teve medo dele e que desviou dinheiro do povo

Tyrone negou que já tenha desviado recursos desde que se tornou gestor público. “Eles não vão conseguir me intimidar com mentiras. O que eu tenho é fruto do meu trabalho. Desde os 13 anos de idade que eu trabalho. As minhas mãos nunca pegaram um centavo do erário”, declarou.

Em seguida, classificou André como o pior prefeito da história de Sousa e enfatizou que está ansioso para enfrentá-lo nas urnas. “Nós pertencemos a um bloco político que não faz alianças com oligarquias irresponsáveis. André faz a pior gestão pública da história de Sousa. Quero muito enfrentá-lo. Quero que ele não desista”, disse.

Ainda em resposta às acusações de corrupção feitas pelo atual prefeito, Tyrone citou alguns supostos escândalos nos quais André estaria envolvido, como participação em esquema de ‘carta marcada’, escândalo de diárias, desvio de verba de concurso público e atraso salarial com venda de folha.

“Ele faz uma gestão a deixar Sousa num estado de calamidade. Eu tenho certeza que os sousenses não vão mais querer ser governados por um prefeito tão incompetente”, completou.

Diálogo com os demais pré-candidatos

Em relação às eleições deste ano, Tyrone admitiu que vai tentar dialogar com os demais pré-candidatos da oposição, os empresários Zenildo Rodrigues (PSD) e Carlinhos de Deodato (sem partido) e o médico Zé Célio (PPS), que apesar de ainda ser vice-prefeito de Sousa, está rompido politicamente com o prefeito André Gadelha. A intenção seria agregá-los a um único grupo oposicionista em torno da candidatura de Tyrone. No entanto, se as alianças não acontecerem, ele afirmou que está preparado para enfrentar as outras quatro candidaturas.

“Obviamente que vai se procurar um diálogo quando se avizinhar o pleito. Estamos dispostos a dialogar, e se pudermos marchar com uma só candidatura, melhor. Se não, não seria surpresa termos um pleito com mais de duas candidaturas. Eu vou, no momento adequado, procurar conversar com todos os pré-candidatos. Não podemos conversar com o atual prefeito, mas com os pré-candidatos que estão contra o projeto do atual prefeito, nós podemos dialogar. E se não houver uma união, que haja uma campanha respeitosa.”

“Estelionato eleitoral”

Sobre as acusações de ter atrasado o pagamento do funcionalismo público quando era prefeito e também de não morar em Sousa, Tyrone respondeu chamando André de mentiroso e estelionatário eleitoral, e afirmou que este só ganhou as eleições de 2012 contra Lindolfo Pires (DEM), candidato apoiado por Tyrone, porque enganou a população com promessas que não foram cumpridas.

“André aprendeu a mentir e repete as mentiras por onde vai. Talvez eu seja o único político que foi prefeito que nunca sequer saiu de Sousa. André fez uma campanha prometendo tudo a todos e não fez nada. Revoltou as pessoas. Enganou os mais humildes. Por isso ganhou a eleição. Mas ele gastou tudo que tinha em relação a palavra numa campanha só. Foi realmente um estelionato eleitoral.”

DIÁRIO DO SERTÃO

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares