header top bar

section content

Lira vê retomada do crescimento econômico do país no segundo semestre e destaca papel da classe política no processo

Lira disse ser emergencial para o país debelar a crise política

Por

26/01/2016 às 17h10

senador Raimundo Lira (PMDB-PB)

O senador Raimundo Lira (PMDB-PB) disse acreditar, nesta terça-feira (26), durante entrevista à imprensa de João Pessoa, que o Brasil vai retomar o seu crescimento econômico a partir do segundo semestre do ano. Ele destacou ainda o papel fundamental da classe política neste processo. Lira disse ser emergencial para o país debelar a crise política, pois, sem resolver a crise política, o Brasil não resolverá a crise econômica.
 
“É preciso ter calma na área política, para que os agentes econômicos e investidores nacionais e internacionais comecem a acreditar na estabilidade do país e, a partir daí, possam dar início à retomada do crescimento econômico do país. Eu pessoalmente acho que a retomada acontecerá a partir do segundo semestre deste ano de 2016, para que possamos, em 2017, criar um clima positivo de recuperação no número de desempregados gerados durante a crise”, afirmou Lira.
 
Ele destacou que essa retomada do crescimento econômico vai exigir muito patriotismo e dedicação de toda sociedade. Lira garantiu que vem dando passos importantes nesse sentido. Recentemente, ele recebeu, em sua residência, 40 senadores e o ministro da Casa Civil do Governo Dilma para debater o assunto e discutir como o Senado Federal pode contribuir para encontrar uma solução que possa ajudar o Brasil a sair da grave crise política e econômica.
 
Dentre os participantes estavam o presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL); o líder do governo, Delcídio do Amaral (PT-MS); o líder do PMDB, Eunício Oliveira (PMDB-CE); Tasso Jereissati (PSDB-CE) e Antônio Anastasia (PSDB-MG), representando o PSDB; além de senadores e senadoras de diferentes partidos do Senado Federal. Também participou do encontro o ministro Jaques Wagner, Chefe da Casa Civil, para expor a posição do governo e suas ações de curto e longo prazos. A reunião durou cerca de três horas.
 
Para Lira, é uma obrigação intransferível do Senado Federal ajudar o país a superar a crise política para, depois, contribuir para a solução das dificuldades econômicas. Sendo assim, ele considera essencial que o Senado exerça seu papel constitucional de casa revisora e de poder moderador.
 
“O Senado tem o papel histórico de ajudar o Brasil a sair dessa crise política. E em seguida ajudar na pauta econômica para que possamos recuperar, num prazo relativamente curto, o crescimento econômico do nosso país. É bom para o país, é bom para o povo brasileiro. E nós temos essa obrigação”, disse Raimundo Lira.
 
Agenda Brasil – Na qualidade de membro da Comissão do Desenvolvimento Nacional, Lira faz uma avaliação positiva da Agenda Brasil, pauta apresentada pelo presidente Renan para incentivar a retomada do crescimento econômico do país.
 
Segundo ele, a proposta tem ajudado o Senado a ter uma atuação proativa e propositiva, neste momento de grande dificuldade que vive o Brasil. Em sintonia com Renan, Lira enfatizou que as reuniões da Comissão Especial do Desenvolvimento Nacional têm sido muito produtivas, ao analisar importantes matérias de interesse do País.
 
De acordo com Lira, que inclusive já relatou alguns projetos da Agenda Brasil e teve um de seus projetos incluídos na pauta, as matérias encontram-se em nítida evolução, graças aos esforços das diversas comissões da Casa, tanto as permanentes, quanto na especial.
 
O Senador Raimundo Lira permanece na Paraíba até a próxima segunda-feira (01), quando retornará para Brasília, para participar da reabertura dos trabalhos do Congresso Nacional, marcada para o dia 02 de fevereiro.
 
Assessoria de Imprensa
 

NO CALDEIRÃO POLÍTICO NA TV

Advogado fala da profissão, discute política e diz que Luciano Cartaxo é favorito nas eleições de 2018

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com o Ministério de Louvor: Fonte de água da vida

SAÚDE MENTAL

VÍDEO: “Psicologia no Ar” reestreia na TV debatendo as dúvidas e estereótipos que os psicólogos carregam

ENTREVISTA

VÍDEO: Com demonstrações ao vivo, fisioterapeuta cajazeirense explica como funciona a Quiropraxia