header top bar

section content

Prefeito de São João do Rio do Peixe revela que poderá não disputar a reeleição este ano. Ouça!

Natural pré-candidato a reeleição, o empresário disse não ‘ser problema para o grupo’, caso apresente um novo nome.

Por

16/01/2016 às 16h32

Prefeito de SJRJ, empresário Airton Pires

O prefeito da cidade de São João do Rio do Peixe, Airton Pires (PSC), em participação da imprensa cajazeirense nessa quinta-feira (14), deu a entender que não está muito motivado a disputar as eleições municipais deste ano. Natural pré-candidato a reeleição, o empresário disse não ‘ser problema para o grupo’, no caso de apresentar outro nome para concorrer as eleições de outubro próximo.

Veja também:

► Prefeito da região de Cajazeiras consegue 44 toneladas de feijão para beneficiários do Bolsa Família. Confira!

Ele explicou que será realizada pesquisa interna para conhecer o melhor nome para a disputa eleitoral e confidenciou: “Sempre me apresento como candidato à reeleição, mas se tiver um nome melhor do que o meu a despontar nas pesquisas, eu não sou problema”.

Vice
Sobre a composição do vice, ele revelou que não foi conversado nada ainda sobre, mas defendeu a manutenção do atual vice-prefeito, Joaquim de Edite. “Acredito que ele se apresenta como candidato a reeleição”.

Airton Pires disse também que, no caso de aparecer um novo nome para composição do vice, ele nem Joaquim de Edite vão se opor, já que fazem parte de um grupo político e pensam no melhor governo para a população de São João do Rio do Peixe.

Ouça áudio da Rádio Oeste!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:
"TRAÍRA"

EXCLUSIVO: Rosilene rompe o silêncio, se solidariza com portais, diz estar arrependida em apoiar Amadeu na FPF e pede desculpas aos clubes

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Em Continência ao Senhor Jesus recebe os adoradores por excelência da Igreja Luz da Vida; Veja!

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na Tv recebe Guilherme Costa e Pisada do Chefe de Joca Claudino – PB; Confira!

EX-REITOR DA UFCG

VÍDEO: Thompson Mariz quer Ricardo no Senado e confirma João Azevedo para governador: “Não tem plano B”