header top bar

section content

Pombal sedia audiência do ODE e moradores da região elegem educação como prioridade

A audiência também contou com a presença da vice-governadora Lígia Feliciano e aconteceu na sede da Associação Atlética do Banco do Brasil

Por

13/05/2015 às 15h41

O Governo do Estado realizou, nessa quarta-feira (12), na cidade de Pombal, a oitava audiência do ciclo 2015 do Orçamento Democrático Estadual, reunindo as populações de oito microrregiões. A plenária com o governador Ricardo Coutinho contou com a participação de mais de 2,5 mil pessoas que elegerem a educação (513 votos), como prioridade de investimento para o ano subsequente. A audiência também contou com a presença da vice-governadora Lígia Feliciano e aconteceu na sede da Associação Atlética do Banco do Brasil (AABB) da cidade.

Ainda dentro das prioridades, também foram elencados investimentos em saúde (401 votos) como a segunda prioridade mais votada, seguida por recursos hídricos (176 votos). Na eleição da obra mais relevante já realizada pelo Governo na região, a reforma e ampliação do Hospital Regional de Pombal foi a mais votada com 80,2% dos votos. Em seguida, apareceu a construção da Casa da Cidadania (13%) e a construção da rodovia estadual que liga a BR-230 a São Domingos de Pombal (6,6%).

O governador Ricardo Coutinho participou da audiência, prestou contas dos investimentos realizados na região a partir das demandas eleitas no ano passado, que somam mais de R$ 77 milhões, beneficiando mais de 98 mil moradores. Ele falou sobre importância da participação popular no ODE. “Que a população de Pombal continue percebendo a importância da construção coletiva, pois, é junto que se trabalha. A democracia efetiva é aquela em que a população participa e no caso do Orçamento Democrático indica onde a população gostaria que fossem investidos os recursos públicos do Estado. Essa experiência é única no país e está revolucionando a forma de governar”, comentou o governador.

O secretário Executivo do Orçamento Democrático Estadual, Gilvanildo Pereira, coordenou a audiência e destacou a importância do diálogo entre a população e o Governo. “Para esta plenária, foram realizadas mais de 30 reuniões preparatórias, envolvendo a participação de mais de 1.000 pessoas, nas oito cidades que compõem a região. O Orçamento Democrático foi criado para a população e é um espaço de transformação das cidades e da melhoria da qualidade de vida dos paraibanos. É esse instrumento de participação popular que vem mudando a mentalidade das pessoas”, disse Gilvanildo Pereira.

Dentro das reivindicações apresentadas pelos moradores da região estão a de Ana Lúcia, moradora da cidade de Vista Serrana. “Primeiramente, quero agradecer a grande obra da pavimentação das estradas em meu município e também parabenizo ao governador por cumprir o que promete. A esperança da nossa população está sendo reavivada pelas obras que estão sendo executadas em nossa região e aproveito para reivindicar o tratamento de água da nossa região e a construção de mais uma escola na cidade”, reivindicou Ana Lúcia.

Outro pleito partiu da presidente da Associação Comunitária de Ciganos de Condado, Maria Jane. “Estamos com várias representações ciganas aqui e nós queremos reivindicar a construção de um conjunto habitacional para os ciganos para podermos preservar a nossa tradição e nossa cultura. Estou pedindo pelo meu povo cigano para que juntos reativemos a nossa essência e a nossa cultura cigana”, disse Maria Jane.

Dentro de outras reivindicações também houve a solicitação para perfuração de poços artesianos, construção de laboratórios de informática, construção de barragens e adutoras e incentivos para a agricultura familiar.

No encerramento da plenária, Ricado ponderou sobre as reivindicações elencadas pela população reforçando que as solicitações serão priorizadas de acordo com as necessidades. “Sobre a solicitação de melhorias na qualidade da água de Vista Serrana informo que ela será tratada a partir da estação de tratamento de Paulista e assim passará a ter água de qualidade. E sobre a construção de casas para a população cigana, comunico que ainda não foi possível realizar esse projeto de casas rurais, pois, este projeto político é de caráter nacional com contra partida estadual. Existe muita burocracia neste processo, mas, o Governo do Estado vem reforçando o diálogo, pois, temos recursos para isto, mas não temos autonomia para efetivar”, respondeu o governador.

Participaram da oitava audiência os municípios de Cajazeirinhas, Condado, Lagoa, Paulista, Pombal, São Bentinho, São Domingos de Pombal e Vista Serrana.

As audiências do OD Estadual continuam nesta sexta-feira (15), a partir das 19h, na 4ª Região Georçamentária, polarizada pela cidade de Cuité, a ser realizada no ginásio municipal da cidade e no sábado (16), na cidade de Itabaiana (12ª Região), no ginásio municipal da cidade.

Da Assessoria

ENTREVISTA

VÍDEO: Programa Psicologia no Ar recebe professor doutor de Cajazeiras pra falar sobre Psicologia Social

INTERVIEW

VÍDEO: Autor do filme “Memória Bendita” fala sobre os desafios de promover cultura na região de Sousa

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!