header top bar

section content

Prefeita de Cajazeiras aliada rejeita parceria com Governo e deixa centenas de alunos sem estudar

O governador Ricardo Coutinho se prontificou em solucionar os problemas e disse que os estudantes não serão prejudicados.

Por

23/02/2015 às 17h38

A coordenadora da Nona Gerência de Educação, com sede em Cajazeiras, Vanderlúcia Feitosa respondeu nesta segunda-feira (23), as denúncias do vereador Marcos do Riacho do Meio (PT) e de vários pais, sobre a falta do transporte escolar.

Segundo as denúncias, os estudantes que não podem pagar passagens diárias de até R$ 20,00 estão perdendo aulas há duas semanas, pois não tem ônibus para transportar os estudantes de Cajazeiras e região.

A informação gerou polêmica nos meios de comunicação e revolta dos pais, pois seus filhos estão sendo prejudicados, e que foi repassado pelos responsáveis da educação é que não havia contrato com o Governo do Estado para regularizar a situação.

Explicação
Na ausência da gerente Andreia Braga, a coordenadora Vanderlúcia Feitosa informou que somente nesta segunda-feira (23) foi liberada a ordem para contratação dos transportes para os estudantes.

Ela revelou que a prefeita Denise Albuquerque (PSB) havia informado que não renovaria o convênio com a gestão de Ricardo Coutinho (PSB), mas para solucionar, o governador resolveu o problema através dos conselhos escolares.  “Se não temos mais o convênio com o município, o jeito é contratrar com os conselhos que também é legal”.

Merenda
Vanderlúcia também respondeu sobre a falta de merenda nas escolas, denunciado por uma estudante de Cajazeiras. “Esse problema já está sendo solucionado, pois já está em processo de licitação”.

Fardamento
A coordenadora informou que o Governo do Estado ainda não disponibilizou o fardamento escolar, mas declarou que o aluno não pode ser barrado por falta do vestuário.

Quanto à falta de livros, Vanderlúcia disse que é um problema do Governo Federal, sendo esta entrega realizada direto nas escolas.

Transporte
A coordenadora anunciou que nesta terça-feira (24), ocorrerá uma reunião com todos os motoristas do transporte escolar, para solucionar o caso. O encontro acontecerá às 09:00 horas, na sede da Nona Gerência, no centro de Cajazeiras.

“Nossa expectativa é que a partir de quarta-feira (25), os transportes estejam regularizados em Cajazeiras”. Comemorou Vanderlúcia

A voz do Governo
O representante do governador em Cajazeiras, Rivelino Martins explicou que na impossibilidade de contratar com a prefeitura, a solução foi realizar parceria com os conselhos escolares, pois os estudantes não podem ficar prejudicados.

Ouça áudio de Rivelino Martins!

O próprio
Através do WhatsApp, o governador Ricardo Coutinho disse que foi pego de surpresa com essa negativa da prefeita aliada da sua gestão e afirmou: “Não permitirei que alunos não tenham aulas por falta de transportes”.

Veja mensagem de Ricardo Coutinho!

Mágoa
As rodas de conversa em Cajazeiras não falam outra coisa, e chegam a afirmar que haverá rompimento de Denise Albuquerque com o Governo do Estado. A mágoa teria iniciado após Ricardo Coutinho entregar os três importantes cargos da saúde a Maura Sobreira. Para azedar um pouco mais a relação, o esposo da prefeita, Carlos Antonio (DEM) perdeu o emprego de secretário estadual. O casal não prestigiou a posse de Ricardo Coutinho.

DIÁRIO DO SERTÃO 

Tags:
ENTREVISTA

No Xeque-Mate, corretor avalia que Cajazeiras é melhor do que Sousa para investir no mercado imobiliário

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”