header top bar

section content

Vixe! A festa de Sousa, a não realização do São João de Cajazeiras, e os “puxa-sacos” estão na Faisqueira. Veja!

A coluna também traz um relato sobre o assalto a igreja de Nossa Senhora da Piedade em Cajazeiras, onde chamou atenção de todos. Confira os detalhes!

Por

31/05/2014 às 16h47 • atualizado em 27/05/2016 às 15h51

Circo ou Saúde?
O nome da fera é Renan Paes Felix, que como Procurador do Ministério Público Federal, da cidade de Sousa, estranhou que o prefeito André Gadelha estivesse realizando uma festa junina, onde vai gastar 700 mil reais, e estava faltando dinheiro para a conclusão da Unidade Pronto Atendimento – UPA.

Circo ou Saúde? 2
E diante desta situação avisou: se não aparecer recursos para a conclusão da obra, dos 700 mil destinados para as festas juninas serão bloqueados 200 mil reais. Para que a prefeitura saísse deste impasse, foi realizada uma reunião, na tarde da segunda-feira, no último dia 26, no MPF de Sousa, entre o prefeito e o procurador para buscar uma solução e para garantir a obra será enviada a Câmara de vereadores uma mensagem para aprovar uma verba suplementar de 200 mil para concluir a UPA. Quem procura, acha o Procurador, que prefere a saúde em primeiro lugar.

Circo ou Saúde? 3
Enquanto isto, na cidade de Cajazeiras, boa parcela da comunidade e parte dos empresários, estão crucificando a prefeita Denise por não puder/querer realizar festas juninas porque, segundo declarou, o município não pode se dá ao luxo de “gastar” em festejos juninos, quando tem outras questões prioritárias e muitas outras demandas importantes a serem realizadas tanto na cidade, quanto na zona rural. Por estas bandas o Procurador ainda não encontrou nada, muito menos verbas para serem bloqueadas em nome da boa e correta aplicação dos recursos.

Compra a crédito
Alguns candidatos a deputado federal estão utilizando o crediário para “comprar adesões” por estes grotões sertanejos. Comenta-se, que recentemente foram fechados alguns “negócios”, com dez mil reais de entrada e mais três parcelas de 10 mil, a serem liquidadas nos meses de julho, agosto e setembro. Caso “farrapem”, a mesma mercadoria será revendida a outro candidato.

Compra a crédito 2
O lado ruim deste negócio fica para o “comprador” que está adquirindo uma mercadoria extremamente volátil e não terá a certeza, mesmo depois de paga, se a receberá. Quem paga 40 mil reais tem direito a receber quantos votos?  Imaginem, se os peixes miúdos estão custando este valor, quanto não estarão valendo os tubarões? A moeda de troca anda num processo inflacionário avassalador. A Justiça Eleitoral continua impotente nesta área.

Bolsa-aluguel
Não são só as famílias em situação de extrema pobreza que têm direito a uma bolsa, os nossos queridos deputados federais, mesmo possuindo uma casa para morar em Brasília, recebem R$3,8 mil mensais de auxilia-moradia e só nesta legislatura esta benesse já consumiu cerca de R$2,7 milhões de reais. Vale lembrar que esta Casa Legislativa é dona de 432 apartamentos funcionais.  Legislar em causa própria é uma excrescência da democracia.

A Catedral de Cajazeiras precisa ser benta 
A Catedral de Nossa Senhora da Piedade, em Cajazeiras, precisa ser aspergida com água benta urgentemente. Já por várias vezes foi arrombada e até agora as policias ainda não conseguiram identificar os meliantes. Um popular comentou: só faltou o ladrão sair vestido com uma das batinas de Padre Agripino, a exemplo do que aconteceu em Porto Alegre, depois de furtar objetos o larápio tentou enganar a policia saindo vestido de uma batina.

Obsolescência do modelo
Ou muda o sistema de realização de licitações para construção de obras ou o governo vai continuar tendo profundas dores de cabeça, além de prejuízo na sua popularidade. Comenta-se que a empresa responsável em asfaltar a PB 411, não possui sequer uma carroça de mão. Deu inicio ao trabalho e teria feito compras no mercado regional e pouco tempo depois, teria deixado quase toda a estrada “escangalhada” e um enorme débito e abandonou obra.

Obsolescência do modelo 2
O prefeito de Bernardino Batista, Gervásio Gomes, vem lutando para retomada dos serviços da PB 411, mas a burocracia tem impedido e a “lasqueira” geral tá sendo no “espinhaço do governador Ricardo Coutinho. A Furnali, que ganhou a concorrência, repassou a obra para uma “tranqueira” da vida que, que nada fez. Em Cajazeiras o exemplo mais palpável desta triste realidade é o esgotamento sanitário da Zona Norte, que vem se arrastando há anos e não sai do lugar e cada empresa que retoma a obra, se instala, dá uma de tatu nas ruas, a abandona e deixa a buraqueira no meio do mundo. Até hoje ninguém foi punido, só mesmo a cidade

Aleluia!
Finalmente a Justiça Federal resolveu desatar o nó na pendenga jurídica em torno da eleição para diretor no Centro de Formação de Professores do Campus da UFCG, em Cajazeiras e mandou que se desse posse, no máximo em dez dias, ao professor Antonio Fernandes, que ganhou a causa, em que solicitava a contagem de dois votos: o de um professor e outro de um servidor. Foi a eleição mais disputada de toda a história desta instituição, desde o ano de 1979, quando foi fundada.

João Agripino e os bajuladores
O governador João Agripino foi acometido de uma labirintite e viajou pra o Recife em busca do Dr. Manoel Caetano, famoso neurologista, para uma consulta. Depois de muitas conversas, ao paciente foi perguntado: quando cai um objeto no chão, quando o senhor se abaixa para apanhar, sente alguma tontura?  Veio a resposta sem pestanejar: Doutor e os “pucha-sacos” deixam eu me abaixar!

 GAZETA DO ALTO PIRANHAS

AMIGO DE BRÁULIO BESSA

VÍDEO: Poeta que esteve no Encontro com Fátima Bernardes foi o convidado do Xeque-Mate da semana; VEJA!

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Pentecostal de Jerusalém

DIÁRIO ESPORTIVO

DIÁRIO ESPORTIVO: Tudo que rolou no Campeonato Brasileiro e os preparativos para o Paraibano

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria Calado na Tv recebe Everly Paloma e Forró Bom de Mexer de Ipaumirim- CE