header top bar

section content

Aliado de Cássio anuncia retomada das obras do aeroporto, e diz: “Tô com Ricardo”. Vídeo!

Na sua fala o ex-prefeito lembrou que na próxima semana chegará mais máquinas em Cajazeiras para agilizar o Aeroporto.

Por

06/03/2014 às 18h09

Carlos Antonio fala sobre viagem. Confira!

O secretário de Interiorização do Estado da Paraíba, o ex-prefeito de Cajazeiras Carlos Antonio (DEM) falou da sua recente viagem a Inglaterra, e revelou que empresários de Londres demonstraram interesse em investir na Paraíba.

Segundo informações do secretário, representantes empresariais da Inglaterra já estiveram em Brasília, e Cajazeiras será a porta de entrada para os possíveis investimentos. “Queira Deus que isso venha se concretizar”

Aeroporto
Na sua fala o ex-prefeito lembrou que na próxima semana chegará mais máquinas em Cajazeiras para agilizar a conclusão dos serviços do Aeroporto regional da cidade. “Nosso objetivo é melhorar a estrutura aeroviária da Paraíba” 

Cássio e RC
Carlos Antonio disse que sempre pregou a história da “aliança”, pois a Paraíba já viveu muita conturbação política na governabilidade de Cássio. "A Paraíba viveu momentos de muita insegurança. A briga interna política trouxe prejuízos incalculáveis ao Estado”

Por outro lado, ele disse que a candidatura do tucano é legítima, mas Ricardo Coutinho é o governador que tem a marca do trabalho. “Um Governo que está tirando os municípios do isolamento, que constrói hospital, e Cajazeiras é muito privilegiada. Vamos caminhar junto com ele, pois o trabalho vence todos os obstáculos"

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula