header top bar

section content

Prefeita se reúne com órgãos de segurança e fala de mudanças no Carnaval de Cajazeiras

Os órgãos que estarão coordenando essa parte do evento serão Corpo de Bombeiros, Policias Civil, Militar e Rodoviária

Por

31/01/2014 às 16h57

Prefeita se reúne com órgãos de segurança

A prefeita de Cajazeiras, Denise Albuquerque (PSB), se reuniu nesta sexta-feira (31) com vários representantes dos órgãos competentes que trabalharão no carnaval de Cajazeiras garantindo a segurança do folião, trânsito, equipamentos de saúde e de fiscalização.

Os órgãos que estarão coordenando essa parte do evento serão Corpo de Bombeiros, Policias Civil, Militar e Rodoviária. Os serviços de saúde serão disponibilizados pelo SAMU, UPA, (HRC) Hospital Regional de Cajazeiras, 9º Núcleo Regional de Saúde e Secretaria Municipal de Saúde.

Estiveram presentes o capitão Bruno (PPTran), Major Guedes (6º BPM), José Rolim (Crea), Edjane Leite (Regional de Saúde), Major Kaoma (Bombeiros), Hugo Severo (PRF), entre outras autoridades.

Os secretários do município também estiveram presentes na reunião onde puderam expor suas dúvidas e imprimir sugestões, a exemplo de Eudomar Pereira (SCTrans), Roberto Cartaxo (Infraestrutura), Joselito Feitosa (Planejamento), Moacir Menezes (Articulação Política), Gilberto Lira (Comunicação), Crispim Filho (Cajatur), além do vice-prefeito Júnior Araújo. 

Segundo Denise foram discutidas algumas adequações a partir do evento realizado no ao passado, pensando na melhoria da festa momesca. “O objetivo é realizar um tranquilo, para que o folião tenha segurança no evento”.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula