header top bar

section content

Sindicato e Federação Nacional dos Jornalistas repudia as declarações de radialista de CZ sobre fotos íntimas

Segundo a nota, o radialista da cidade de Cajazeiras foi preconceituoso, machista e calunioso, pois faltou com total respeito às mulheres. Áudio!

Por

06/12/2013 às 17h43

Após comentários pesados do radialista cajazeirense Fabiano Gomes, sobre matéria divulgada no portal Diário do Sertão, dando conta de que uma garota de 15 anos, moradora da cidade de Pombal, que teve suas fotos íntimas divulgadas no WhatsApp, o Sindicato dos Jornalistas da Paraíba e a e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) emitiram Nota de Repúdio ao profissional de imprensa.

Segundo a nota, o radialista foi preconceituoso, machista e calunioso, pois faltou com total respeito às mulheres brasileiras.

A Nota declarou que o radialista “usou de toda uma sorte de baixas palavras para se referir às mulheres, incitou a violência física, moral, de gênero e revelou seu absoluto despreparo profissional”

Veja matéria: Fotos de garota de 15 anos nua vazam no WhatsApp e namorado pode ser preso

Veja nota na íntegra:
"O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba e a Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) vêm a público manifestar seu mais veemente repúdio às declarações preconceituosas, machistas, caluniosas e violentas proferidas pelo radialista Fabiano Gomes nas edições dos dias 04 e 05 deste mês do programa Correio Debate (Rádio Correio – 98.3MHz).

No primeiro episódio, Fabiano usou de toda uma sorte de baixas palavras para se referir às mulheres, incitou a violência física, moral, de gênero e revelou seu absoluto despreparo profissional para atuar como radialista, profissão da qual se exigem preparo técnico e intelectual, compromisso com a verdade, com a ética e com os direitos humanos.

Imediatamente, o jornalista Rafael Freire, que é presidente do Sindicato dos Jornalistas da Paraíba e vice-presidente regional da Fenaj, transcreveu em sua página pessoal no Facebook um pequeno trecho do comentário que o radialista acabara de fazer ao vivo. A reação na rede social foi imediata, gerando centenas de compartilhamentos e grande revolta entre o público em geral, mas especialmente em dezenas de jornalistas, que condenaram a atitude de Fabiano.

Já no dia seguinte, o apresentador usou os dez primeiros minutos do programa para, de maneira absolutamente hipócrita, desculpar-se com os ouvintes e as mulheres que se sentiram ofendidas com seus comentários no dia anterior. Logo em seguida, após o intervalo comercial, esta mesma pessoa, que acabara de falar em tom manso e que até mesmo se colocara como vítima de preconceito, atacou, aos gritos, de forma mentirosa e violenta,o jornalista Rafael Freire, chamando-o de vagabundo, invejoso, “babão”, afirmando que não representava a categoria e que seu diploma universitário de jornalista não vale nada porque lhe falta talento."

Ouça os áudios do programa nos dias 4 e 5 de dezembro! 

DIÁRIO DO SERTÃO

PSICOLOGIA NO AR

VÍDEO: Psicólogos debatem comportamento do ‘stalker’ nas redes sociais e quando o amor se torna obsessão

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Batista Independente

MARIA CALADO NA TV

Com muita irreverência, banda Gata Dengosa estoura a audiência no programa Maria Calado na TV; ASSISTA!

ENTREVISTA

VÍDEO: Artista sousense que impressionou o público com suas pinturas fala sobre sua obra e trajetória