header top bar

section content

Radialista cajazeirense taxa Rafael de caloteiro e diz: ¨Ele já gastou muito quando comprou a prefeitura a Léo¨

Além de taxar a renúncia de Léo como um negócio, o radialista chamou de irresponsáveis os atos de Carlos Rafael.

Por

27/12/2011 às 21h37

O radialista Fabiano Gomes, em entrevista a imprensa cajazeirense esta semana, insinuou que a renúncia do ex-prefeito Léo Abreu foi negociada com o atual prefeito Carlos Rafael (PTB). Para ele, o prefeito não pretende quitar as dívidas deixadas por Léo, pois ele já pagou o suficiente pela renúncia do ex-prefeito.

Fabiano disse que o atual prefeito se acha no direito de sair dando calote em todo mundo pelo fato de ter pago pela renúncia de Léo Abreu e acrescenta que o povo de Cajazeiras deve investigar muito bem o movimento das contas bencárias do município nos dias que antecederam a renúncia do ex-prefeito.

Além de taxar a renúncia de Léo Abreu como um negócio, o radialista chamou de irresponsáveis os atos do atual prefeito Carlos Rafael e enfatiza o fato de que as dívidas são do município e não de um indivíduo.

“Quem deve é a instituição e não Léo. O prefeito não pode agir como se estivesse governando outro município e fechar os olhos pras contas, as dívidas são todas da prefeitura”, disse Fabiano.

Ouça Áudio.

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula