header top bar

section content

População de João Pessoa aprova gestão de Luciano Agra; Prefeito comemora dados

Mesmo sem nunca ter disputado uma eleição, Agra surpreende em pesquisa de avaliação com 63,7% de aprovação

Por

27/12/2011 às 15h17

A pesquisa de opinião pública realizada pelo Instituto de Pesquisas DataVox para a disputa pela Prefeitura de João Pessoa nas eleições de 2012 perguntou ao pessoense se ele aprova ou desaprova a maneira como o prefeito Luciano Agra (PSB) vem administrando João Pessoa.

Foram ouvidas na pesquisa 1001 pessoas no período de 16 a 18 de dezembro.

Das 1001 pessoas ouvidas, 63,7% disseram que aprovam o prefeito; 25,2% desaprovam e 11,1% não sabem ou não responderam. Os números ratificam a preferência do socialista em todas as pesquisas de intenção de voto.

O intervalo de confiança estimado é de 95,5% e a margem de erro máxima estimada é de 3,1% pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Em contato com a reportagem o prefeito de João Pessoa, Luciano Agra recebeu com muita alegria os dados da pesquisa. "Estamos trabalhando por nossa cidade e agradecemos a toda população". Disse.

Você aprova ou desaprova a forma como o prefeito Luciano Agra vem administrando o município de João Pessoa?

Aprova: 63,7

Desaprova: 25,2

Não sabem/ Não opinaram 11,1

Como você avalia a administração do prefeito Luciano Agra até o momento?

Você diria que ela está sendo: Ótima, Boa, Regular Ruim ou Péssima?

Ótima: 9,6

Boa: 36,8

Regular: 30,5

Ruim: 5,7

Péssimo: 9,0

Não sabem/Não opinaram: 8,4

TOTAL 100,0

DIÁRIO DO SERTÃO com Pb Agora
 

ENTREVISTA BOMBÁSTICA

VÍDEO: Declarações polêmicas e provocações marcam o programa Xeque-Mate com o ex-prefeito Carlos Antônio

VÍDEO

Ex-aliado diz que prefeito de Cajazeiras forma “organização criminosa” e aponta gordas gratificações

DIÁRIO ESPORTIVO

Confira o resumo da rodada no programa Diário Esportivo com Luiz Júnior

XEQUE MATE

VÍDEO: Carlos Antonio declara pela 1ª vez publicamente apoio a Júnior Araújo; “é cancela fechada”