header top bar

section content

Vereador da situação promete barrar emendas da oposição e diz ¨Elas não tem sentido¨. Áudio!

O parlamentar afirmou que as 20 emendas da oposição apresentadas para o orçamento municipal de 2012 não tem validade e serão rejeitadas. Veja!

Por

28/11/2011 às 19h44

O presidente da Comissão de Finanças na Câmara Municipal de Sousa, o vereador Dedé Veras (PSDB), afirmou nesta segunda-feira (28), que acredita na rejeição por parte dos colegas situacionistas quanto as 20 emendas ao Orçamento Anual de 2012, apresentadas pela oposição, que é liderada pelo vereador Daniel Pinto (PMDB). A votação da matéria ocorre nessa terça-feira (29) e promete ser bastante movimentada.

De acordo com Dedé Veras, uma das emendas do grupo da oposição sousense é a redução de R$ 18 mil do programa governamental do município, “Novo Lar”, que é mantido com recursos próprios, para ajudar as famílias na recuperação de moradias, que apresentam estado de risco, para criação de um Instituto de Pesquisa e Estatística.

“A oposição está querendo tirar R$ 18 mil das pessoas carentes. Acho isso uma aberração”. Disparou Dedé Veras
O parlamentar disse que as emendas ao orçamento se definem como um esforço dos oposicionistas em mostrar serviço à população, porém, todas as propostas apresentadas não têm validade porque são demandas já contempladas com ações municipais.

“Se depender de mim essas emendas não serão aprovadas, pois são sem sentido”. Concluiu o vereador.

Ouça áudio da Líder FM de Sousa

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula