header top bar

section content

Vereadora denuncia desmandos administrativos de prefeito e taxa vereadores e secretário de lagartixa

A parlamentar disse que ouviu depoimento de coveiro dizendo que ia morrer porque estava trabalhando no cemitério sem sandália e sem luva. ¨É triste¨

Por

14/11/2011 às 19h56

A vereadora Eva Pires Gonçalves (PR), da cidade de Vieirópolis, cobrou da gestão do prefeito Marcos Pereira (PTB), a regularização no fornecimento de água de duas comunidades rurais do município.

De acordo com a vereadora, a população de Campo Alegre e Riacho estão passando sede. “A situação de Vieirópolis é triste porque até água está faltando”.

Eva criticou durante os sete vereadores da cidade, que são do grupo de situação e declarou que eles concordam com tudo o que o prefeito faz e diz.

“Os sete vereadores daqui são iguais a lagartixa. Não cobram nada do gestor. Parece que tem alguma coisa presa ai”. Insinuou Eva

Críticas
A parlamentar detonou também o secretário de Obras do Município, Sinval Barbosa, dizendo que o auxiliar municipal não manda em nada.

“Esse Sinval não tem poder de pegar nem numa enxada. É só perambulando e dizendo que não pode fazer nada”.

Beneficiando a família
Eva Pires denunciou que a prefeitura paga trator e caçamaba para o pai e o tio do prefeito construir açude particular em comunidade do município. “É todo mundo dizendo que está tudo e o mundo se acabando em Vieirópolis”

Ela declarou ainda, que ouviu um depoimento de um coveiro da cidade afirmando que ia morrer, porque estava trabalhando no local sem sandália, pois o prefeito não fornece botas nem luvas. “Isso é vergonhoso Vieirópolis”.

Ouça áudio!

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula