header top bar

section content

Seminário recebe grupo de novos alunos, e padre elogia trabalho da igreja na formação

Na formação sacerdotal eles passarão oito anos estudando Filosofia e suas variantes, e mais oito anos estudando Teologia e suas variantes

Por Jocivan Pinheiro

18/02/2016 às 18h35 • atualizado em 19/02/2016 às 08h46

O Seminário de Cajazeiras recebeu na semana passada um grupo de novo alunos para formação sacerdotal. Foram apresentados ao todo dez jovens após a missa do último domingo (14).

Eles vêm das paróquias de Sousa (Marcos, Diego e Emerson), Joca Claudino (Igor), Triunfo (Alisson), Santa Helena (Romério), Conceição (David), Cachoeira dos Índios (Aldemir), Itaporanga (Gutemberg) e da própria cidade de Cajazeiras (Jefferson).

Na formação sacerdotal eles passarão oito anos estudando Filosofia e suas variantes, e mais oito anos estudando Teologia e suas variantes.

novos_seminaristas_18022016

Padre Agripino Ferreira, administrador da Diocese de Cajazeiras apresentou os novos seminaristas (Foto: DS)

O padre Agripino Ferreira, administrador da Diocese de Cajazeiras, enalteceu o trabalho do Seminário na formação dos futuros padres, mas ressaltou que a igreja também ajuda os jovens a descobrirem outras vocações.

“É um trabalho muito bonito que o Seminário vem fazendo para acolher esses jovens. A igreja tem focado não só a questão vocacional para a vida sacerdotal, mas ministérios e vocações. Todos os serviços na igreja são importantes. Que os fiéis possam descobrir a sua missão que receberam no batismo.”

DIÁRIO DO SERTÃO

ALFINETOU

VÍDEO: Aliado do prefeito destaca asfaltamento de ruas de Cajazeiras e alfineta grupo de Carlos Antonio

REVELAÇÃO

VÍDEO: Emocionado, radialista fala de dificuldades na infância e revela que ‘amigo’ lhe ofereceu drogas

VEJA

VÍDEO: Gilvan de Andrade fala de experiência no Rádio em Cajazeiras e João Pessoa

VÍDEO

Padre anuncia reforma da paróquia São João Bosco de Cajazeiras a avalia atuação do bispo