header top bar

section content

Padre diz que tema da Campanha da Fraternidade 2017 é a chance para cobrar ação das prefeituras

Nesta edição da Campanha da Fraternidade, a Igreja Católica convoca a sociedade para proteger o meio ambiente e os povos das florestas

Por Jocivan Pinheiro

02/03/2017 às 15h08 • atualizado em 02/03/2017 às 15h09

O bispo da Diocese de Cajazeiras lançou nesta quinta-feira (02), em nível regional, a Campanha da Fraternidade 2017, cujo tema é “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida” e o lema: “Cultivar e guardar a criação”. Nesta edição da campanha a Igreja Católica convoca a sociedade para proteger o meio ambiente e os povos da floresta. A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) faz um alerta para a preservação da mata Atlântica, do Cerrado, dos Pampas, da Caatinga, do Pantanal e da Amazônia, a maior das florestas brasileiras.

No Direto ao Ponto dessa semana, padre Francivaldo frisou que a Igreja deve aplicar esforços para mobilizar a população, a sociedade civil organizada e gestores públicos para que o tema da campanha não se resuma apenas à reflexão e aos debates.

DIÁRIO DO SERTÃO

ALÍVIO

VÍDEO: Presidente da OAB de Cajazeiras afirma que a Comarca de Bonito de Santa Fé não será mais fechada

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa com a participação dos membros da Igreja Rei dos Reis

CADASTRAMENTO

VÍDEO: Prazo final para biometria na região de Catolé do Rocha é antecipado, e Justiça alerta eleitores

MITO DA INTERNET

VÍDEO: Fenômeno Gleyfy Brauly bate recorde de audiência no Xeque-Mate e canta sucessos no ‘imbromation’