header top bar

section content

Religioso de Cajazeiras se posiciona a favor da redução da maioridade penal e pede união

Ele comentou que o menor será punido em casos de crimes hediondos a partir de 16 anos.

Por

02/07/2015 às 17h28

Em seu comentário “Direto ao Ponto” nesta quinta-feira (02) para a TV Diário do Sertão, o padre Francivaldo Albuquerque comentou a aprovação da redução da Maioridade Penal.

O padre Francivaldo explicou que há ressalvas nesta aprovação, pois não serão todos os crimes que os menores serão penalizados.

Ele comentou que o menor será punido em casos de crimes hediondos a partir de 16 anos.

O religioso se posicionou a favor da redução da maioridade penal e defendeu ações enérgicas no combate a criminalidade, além da união de todos, especialmente da sociedade civil.

Leia também:

Presidente da câmara consegue nova virada e Câmara aprova redução da maioridade penal

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan