header top bar

section content

Padre da região de Cajazeiras denuncia Energisa por não prestar serviços à paróquia

De acordo com o religioso, a Energisa informou que a demora na prestação dos serviços foi a falta de um projeto, mesmo sendo apresentado a empresa.

Por

19/03/2014 às 17h58

Padre reclama sobre serviços da empresa

A comunidade Católica de São José de Piranhas está revoltada com a empresa de energia elétrica (Energisa), pois há seis meses o do padre Nicodemos Pereira da Paróquia São José solicitou os serviços para instalação de dez aparelhos de ar-condicionado e não foi atendido.

Outra preocupação da Paróquia é com a garantia dos aparelhos que podem perder o prazo de ressarcimento de perdas sem ao menos serem utilizados.

De acordo com o religioso, a Energisa informou que a demora na prestação dos serviços foi a falta de um projeto, mesmo sendo apresentado a empresa. 

Nicodemos informou também, que esta semana a Energisa informou que recebeu e aprovou o projeto enviado pela Paróquia, porém, requereu mais seis dias para a execução dos serviços.

O outro lado
Procurada pela reportagem, a sede de Cajazeiras alegou que não pode prestar qualquer esclarecimento, pois faz parte da política da empresa.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan