header top bar

section content

Padre de Cajazeiras declara que não acredita em Papai Noel ¨É enganação da sociedade¨

Ele disse ainda que a figura do Papai Noel é criação do comércio, para amedrontar umas crianças e alegrar outras.

Por

23/12/2011 às 19h59

O padre Humberto Mangueira, da Diocese de Cajazeiras, que atualmente está na região do Vale do Piancó, em entrevista a imprensa local, nesta sexta-feira (23), declarou que Papai Noel, o símbolo do Natal para as criancinhas, não existe.

Ele respondeu a enquete que estava sendo realizada no programa com a seguinte pergunta “Se você ficasse frente a frente com o Papai Noel, o que você pediria?”. O padre foi enfático ao dizer que não pediria nada, pois Papai Noel não existe.

Humberto justificou dizendo que fez o curso de Filosofia para ser inteligente e, portanto, não acredita na existência do Bom Velinho. “Papai Noel é uma criação para o comércio, para amedrontar umas crianças e alegrar outras”

O religioso disse também, que ninguém deve pedir nada ao Papai Noel, porque não se pode pedir algo para quem não existe. “As pessoas estão vivendo de sonhos, ilusões e fantasias. Desde que me ordenei padre não vivo de ilusões, vivo da realidade”. Frisou

O padre foi além e disparou: “O papai Noel é mais um engodo da sociedade, dos meios de comunicação e do comércio. As pessoas exploram. O Papai Noel não significa nada na minha vida”.

Ouça áudio!

DIÁRIO DO SERTÃO
 

Tags:

“Boca Quente” fala sobre Nilvan, Josival, Gutemberg e narra fato que mais lhe chamou atenção na área policial

PROGRAMA XEQUE-MATE

VÍDEO: Padre e missionários falam sobre recuperação de dependentes químicos na região de Cajazeiras

DIÁRIO ESPORTIVO

Ao lado de grandes nomes da imprensa, Diário Esportivo debate as rodadas da Série C e D do Paraibano

PARTIU PARA O ATAQUE

VÍDEO: Júnior Araújo diz que José Aldemir vai perseguir servidores que não apoiarem campanha de Paula