header top bar

section content

Depois de constantes problemas e até morte de crianças, Comissão de Direitos Humanos visita HUJB

A Comissão foi muito bem recebida pela superintendente Drª Mônica e o Diretor Administrativo Marcelo José Pinheiro.

Por Luzia de Sousa

27/05/2016 às 15h17 • atualizado em 27/05/2016 às 15h22

Direitos Humanos da OAB visita HUJB

Aos 19 de maio de 2016, no horário das 15h40min. às 18h40min., os membros da Comissão de Direitos Humanos da OAB Subseção de Cajazeiras, Cícera Cavalcante de Sousa, Saulo Victor e Lyvia Raquel Vieira Silva estiveram realizando visita no HUJB/EBSERH, com a finalidade de averiguar os fatos de supostas negligências, divulgados por órgãos da imprensa, inclusive através de algumas mães, no atendimento médico à crianças.

VEJA MAIS

► OAB aguarda ‘inquéritos’ sobre negligência no HUJB para tomar providências – VÍDEO!

► Associação Cajazeirense de Imprensa repudia diretor da UFCG e médica do HUJB por ataques a meios de comunicação e radialistas

► Médica do HUJB detona imprensa e revela recusa de médicos para trabalhar em Cajazeiras; Diretor da UFCG declara que mídia é mentirosa. VEJA VÍDEOS!

A Comissão foi muito bem recebida pela superintendente Drª Mônica e o Diretor Administrativo Marcelo José Pinheiro de Sousa.

Os gestores passaram todos os esclarecimentos a respeito dos fatos ocorridos em relação às crianças, atendimentos, medidas e procedimentos, como já demonstrado no Ofício nº 043//2016 – DA/HUJB/EBSERH, porém mais detalhadamente, com as fichas médicas em mão.

No Ofício mencionado, além de fazer uma pronta e competente resposta, a Direção do HUJB/EBSERH enalteceu as boas práticas realizadas naquela casa de saúde, com esclarecimentos relevantes.

Também foram apresentados os aspectos gerais de organização e funcionamento do Hospital, salientando-se que o mesmo está ainda em fase de transição, no aguardo de autorização para a realização de concurso público. Desta feita, atualmente os profissionais são prestadores de serviços, já os funcionários são terceirizado.

Veja vídeo!

Contudo, a estrutura física da instituição é de nível bastante elevado, oferecendo todo conforto necessário aos pacientes internados e aos seus acompanhantes, inclusive isso foi corroborado o depoimento de uma mãe durante a visita da Comissão às dependências de internação.

Ademais, o quadro de profissionais é suficiente para atender às metas almejadas pela instituição, devendo esse quadro ser ampliado conforme a expansão dos serviços previstos e a partir do Plano de funcionamento que está sendo elaborado pelo Sírio Libanez.

Diante dos esclarecimentos apresentados pelos gestores do HUJB/EBSERH, mediante a sabatina da Comissão, além do que foi observado in loco, a Comissão de Direitos Humanos da OAB Oab Cajazeiras continuará atuando no caso, e desta feita ouvirá à mãe de uma das crianças, para que se possa emitir um parecer conclusivo. Assim, será esse o próximo passo da CDH da OAB – Cajazeiras.

Finalizando, a Presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB Cajazeiras agradeceu a atenção dispensada pela direção do HUJB/EBSERH e disse que a visita foi de extrema importância e serviu como forma de ouvir todas as partes, para que a apuração dos fatos seja a mais justa possível.

DIÁRIO DO SERTÃO com Assessoria

ENTREVISTA

No Xeque-Mate, corretor avalia que Cajazeiras é melhor do que Sousa para investir no mercado imobiliário

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”