header top bar

section content

Sobe para quatro presidiários de CZ com tuberculose; Direção anuncia prevenção

Jailson disse ainda que o detento que faleceu no mês passado não foi por tuberculose, mas por insuficiência hepática.

Por Jocivan Pinheiro

07/06/2016 às 17h46 • atualizado em 08/06/2016 às 09h44

O diretor do Presídio Regional de Cajazeiras, Jailson de Matos Santos, admitiu que pelo menos quatro detentos que cumprem pena naquela unidade prisional sofrem de tuberculose. Segundo ele, dois já chegaram no presídio com a doença e dois adquiriram lá dentro.

Veja também

Presidiário é internado no hospital Regional de Cajazeiras com suspeita de tuberculose

Presidiário morre no Hospital de Cajazeiras vítima de tuberculose; Outro caso é suspeito

Entretanto, Jailson afirma que não há motivo para pânico, pois os casos estão sendo devidamente monitorados e tratados pela equipe médica do presídio e os detentos estão isolados dos demais.

“Esses casos estão sendo monitorados e já estão sob tratamento, estão sob controle. Eles estão isolados, e todo o procedimento adequado para uma pessoa acometida de uma doença dessa natureza está sendo tratado. Eu mesmo estou acompanhando a liberação da medicação. Eles estão tomando a medicação e estão se tratando”, garantiu o diretor.

Morte de detento
Jailson disse ainda que o detento que faleceu no mês passado não foi por tuberculose, mas sim por insuficiência hepática, segundo laudo médico.

Ele garantiu também que os presidiários são vacinados com regularidade para prevenir doenças.

Atualmente o Presídio Regional de Cajazeiras está com uma população carcerária de 240 presos.

DIÁRIO DO SERTÃO

PRECONCEITO

EM CAJAZEIRAS: Gari revela que as pessoas negam água e restaurantes proíbem entrada para comprar marmita

ABANDONADO

VÍDEO: Após saber da morte da mãe, homem passa fome nas ruas de Cajazeiras e faz apelo emocionante para voltar pra casa

PSICOLOGIA NO AR

PERIGO: Médico neurologista faz importante alerta para quem usa remédios tarja preta para dormir

OPINIÃO CONTUNDENTE

EM DECADÊNCIA?: Ex-radialista compara as rádios de Cajazeiras a ‘relacionamento que perdeu o sabor’