header top bar

section content

Maternidade do Sertão da Paraíba emite nota à imprensa sobre morte de bebê após transferência para hospital de João Pessoa. Confira!

A maternidade Peregrino Filho, da cidade de Patos se pronunciou através de nota nessa segunda-feira (26)

Por Luzia de Sousa

27/06/2017 às 09h03

Maternidade da cidade de Patos, no Sertão

A maternidade Peregrino Filho, da cidade de Patos se pronunciou através de nota nessa segunda-feira (26), sobre a morte de um bebê que estava internado na unidade de saúde.

Veja nota
A direção da Maternidade Dr. Peregrino Filho se solidariza com a dor da família e lamenta que o bebê, nascido no dia 29 de março, não tenha conseguido sobreviver a grave prematuridade (ele nasceu com 26 semanas e pesando 700g), associada a uma estenose de esófago e fístula tracoexofágica.

Desde de que o bebê nasceu e que foi constatado a necessidade de sua transferência devido ao quadro de saúde frágil, que a direção assistencial da Maternidade fez a solicitação de regulação para o Arlinda Marques e/ou Hospital Universitário, em João Pessoa e reiterava o pedido regularmente, conforme registros e documentos no prontuário do RN.

Por falta de vagas, a transferência só aconteceu no último sábado (25). Vale salientar que a regulação de transferência, só pode ser realizada quando há vaga disponível e quando isso ocorreu, em menos de 24 horas, mesmo em meio a um feriadão, foi mobilizada toda uma equipe multiprofissional, além da ambulância para que a transferência ocorresse.

Enquanto o bebê permaneceu na UTI Neo da unidade, teve toda a assistência necessária para preserva-lhe a vida, tanto que seu quadro se manteve estável, inclusive com ganho de peso e evolução de seu quadro clínico.

Direção da Maternidade Dr. Peregrino Filho, de Patos

DIÁRIO DO SERTÃO com Patos Online

PROCESSO DE MIGRAÇÃO

Diretor regional na Paraíba tira todas as dúvidas sobre abertura de novas contas dos servidores estaduais no Bradesco

MENSAGEM DE ESPERANÇA

Programa Mensagem de Esperança com Sara Sheyla e Nelson Dantas

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview