header top bar

section content

Anemia não tratada afeta o coração, diz especialista

Apesar de fácil tratamento, a condição exige cuidados especiais

Por Campelo - Diário do Sertão em Sousa

01/07/2017 às 09h40 • atualizado em 30/06/2017 às 19h42

Especialista fala sobre anemia e o coração (Foto: iStock)

A anemia – uma condição na qual o conteúdo de hemoglobina no sangue está abaixo do normal devido à carência de um ou mais nutrientes essenciais – atinge mais de 1,62 bilhão de pessoas, segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). Ela acomete pessoas de todas as idades, mas em maior escala mulheres em idade fértil, grávidas, idosos e jovens em fase de desenvolvimento.

A anemia pode ser causada pela deficiência de vários nutrientes como proteínas, vitamina B12, zinco ou ferro, contudo a do tipo ferropriva que tem como causa a deficiência de ferro é a mais comum e também a que pode levar o paciente a ter problemas no coração.

Isso porque ela compromete o transporte adequado de oxigênio, um dos mais importantes mecanismos biológicos, o que aumenta o esforço que o coração faz e, em médio e longo prazos, pode afetar o funcionamento desse e outros órgãos.

De acordo com uma pesquisa publicada no American Journal of Cardiology, realizada com 193 homens portadores de anemia, pelo SUNY Downstate Medical Center, em Nova Iorque (EUA), eles apresentam um risco maior de infarto do miocárdio, após um período de dois anos de surgimento de uma síndrome coronariana aguda.

Ainda de acordo com o estudo, os homens portadores de anemia que apresentaram doença coronária manifestaram uma probabilidade 86% maior de morrer no período de dois anos, quando comparados com homens que não apresentavam anemia.

Para o cirurgião cardiovascular, Dr. Élcio Pires Jr., o melhor caminho é sempre tratar a anemia com muita atenção porque, apesar de ser de fácil tratamento, ela exige cuidados especiais que vão além, muitas vezes, da mudança na alimentação. “Uma anemia não tratada corretamente pode ocasionar uma piora no quadro geral do paciente: cansaço progressivo aos mínimos esforços e déficit de oxigenação no organismo, causando danos diversos, desde problemas cardíacos até neurológicos”, alerta.

Notícias ao Minuto

MERCADO NEGRO

EXCLUSIVO: Padre denuncia que Cajazeiras está repleta de ‘locadoras de armas’: “A polícia sabe” – VÍDEO!

PARABÉNS

VÍDEO: Veja a mais nova música que homenageia a cidade de Cajazeiras nos seus 154 anos de emancipação

AO VIVO

Assista ao Debate de Cajazeiras completo; vários temas foram levantados para melhorar a cidade

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor