header top bar

section content

Mãe de menina de 9 anos da cidade de Cajazeiras comemora sucesso da cirurgia da filha no Estado de São Paulo; Várias campanhas foram realizadas no Sertão

“Graças a Deus a cirurgia foi um sucesso. Em nome de Jesus já já vou está com minha vitoriosa em casa. Agora e choro de felicidades”, comemorou.

Por Luzia de Sousa

03/07/2017 às 07h56

Mariane Vitória após cirurgia (Foto: Arquivo Pessoal)

Após campanhas realizadas na imprensa e pelas redes sociais, a dona de casa Francisca das Chagas, mãe da pequena Mariane Vitória de 9 anos comemorou o sucesso da cirurgia da filha, que ocorreu no Estado de São Paulo. A TV e Portal Diário do Sertão também realizou campanha na tentativa de conseguir recursos para ajudar na cirurgia da menina cajazeirense.

+ Mãe de cajazeirense de 9 anos chora e pede ajuda para fazer cirurgia; Ela já passou por três procedimentos. VÍDEO

“Graças a Deus a cirurgia foi um sucesso. Em nome de Jesus já já vou está com minha vitoriosa em casa. Agora e choro de felicidades”, comemorou dona Francisca.

Mariane usava aparelhos para andar antes da cirurgia

Entenda
A pequena Mariane Vitória, de 9 anos de idade, nasceu com uma má formação congênita na coluna chamada Mielomeningocele, que foi detectada quando sua mãe ainda estava com seis meses de gravidez.

A Mielomeningocele é o tipo mais grave de espinha bífida, no qual os ossos da coluna vertebral do bebê não se desenvolvem adequadamente durante a gestação, causando o aparecimento de uma bolsa nas costas que contém a medula, nervos e líquido cefalorraquidiano.

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan