header top bar

section content

Com saúde de ‘ferro’, Mulher considerada mais velha do Sertão faz aniversário e recebe homenagens

Apesar da idade bem elevada, a curralvelhense come o que quer, nunca fez dieta, não aceita muita ajuda para as atividades do dia-a-dia e pouco se medica.

Por Luzia de Sousa

25/04/2016 às 07h46 • atualizado em 25/04/2016 às 08h02

!07anos_idosa

O aniversário de 107 anos de vida de Maria Pereira (Nanoca) foi comemorado nesse sábado (23). Natural de Curral Velho, no Sertão da Paraíba, ela é considerada a mulher mais velha do Vale do Piancó. A lucidez e a vitalidade de Nanoca fizeram com que conferíssemos na identidade a data de seu nascimento. Estava lá: vinte e três de abril de 1909.

Devota de Santo Expedito, Nanoca se orgulha de sempre ter sido uma mulher que lutou pela sobrevivência no Sertão paraibano, em meio a tanta dificuldade. “Ela pegava na enxada na lida diária, sempre foi agricultora”, comenta o neto, José Ricardo Pereira.

Apesar da idade bem elevada, a curralvelhense come o que quer, nunca fez dieta, não aceita muita ajuda para as atividades do dia-a-dia e pouco se medica.

Nanoca teve 5 filhos, de onde saíram dezenas de netos, bisnetos e tataranetos. Anualmente seus netos comemoram seu aniversário como se fosse de uma criança.

DIÁRIO DO SERTÃO com Diamante Online

DIÁRIO ESPORTIVO

Diário Esportivo recebe os membros da Associação dos ciclistas de Cajazeiras e região; Confira!

ADVERSÁRIOS ETERNOS

Breckenfeld diz que nunca será candidato a prefeito de São João nem aliado de Zé Aldemir: “Chance zero”

PSICOLOGIA & FILOSOFIA

Cajazeirense que vendia poesia pra pagar curso em SP fala sobre sonhos e objetivos no “Psicologia no Ar”

CÓDIGO COMPROVA

No 1º Xeque-Mate de 2018, tecnólogo diz que é fácil fraudar eleições com urna eletrônica e explica como