Sertão
12/11/2016 às 07h20 • atualizado em 12/11/2016 às 15h23

postado por: Luzia de Sousa

Fonte d’água nasce em comunidade do Sertão e agricultor denuncia Prefeitura por abandono – VÍDEO

Agricultor explicou que a fonte começou a brotar após o açude estar seco e tem sido a ‘salvação’ da comunidade

Uma fonte de água resiste aos longos cinco anos de seca no Sertão da Paraíba. O “olho d´água”, como descreveu o agricultou Manoel Hosmindo, dono da gleba de terra no Sítio Poço Redondo, município de Itaporanga, é a única forma de abastecimento das 15 famílias que moram na comunidade.

O agricultor contou a redação do Diário do Sertão, que a fonte resiste a seca, e mesmo o açude Cachoeira dos Alves estar em colapso total há mais de um ano, a água continua a brotar dos rincões do Sertão paraibano.

Manoel explicou que a fonte começou a brotar após o açude estar seco e tem sido a ‘salvação’ da comunidade, pois teria solicitado a prefeitura a perfuração de um poço artesiano na localidade há mais de 10 anos, porém, nunca fora atendido.

Ele relatou que também solicitou a prefeitura a limpeza do local, pois, se trata de um terreno arenoso e há risco de aterrar o local, mas também não foi atendido.

O agricultor informou que acionou o Ministério Público para que a prefeitura realize o serviço e assim, a comunidade não ser penalizada com a falta total de água.

“Só aparece quando o inverno acaba. É um segredo essa fonte. É pouca, mas é o suficiente para o consumo humano e animal”, disse o sertanejo.

.

O outro lado
A reportagem tentou o ouvir o prefeito da cidade, porém, sem êxito, entretanto, fica o espaço aberto para qualquer esclarecimento.

DIÁRIO DO SERTÃO

Deixe seu comentário