Sertão
18/03/2017 às 06h28 • atualizado em 18/03/2017 às 10h34

postado por: Luzia de Sousa

Há meses sem água, população da região de Cajazeiras comemora boa recarga de água no açude

Uma população estimada em mais de 18 mil habitantes, segundo o IBGE amarga sem abastecimento regular desde o mês de setembro de 2016.

O açude São José I, mais conhecido por “Açude da Cagepa”, na cidade de São José de Piranhas, saiu de totalmente zerado no ano passado para o ‘volume morto’ com as chuvas deste ano. Uma população estimada em mais de 18 mil habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística amarga sem abastecimento regular desde o mês de setembro de 2016.

VEJA TAMBÉM

+ ALEGRIA ALEGRIA! Após chuva de quase 100 milímetros, ‘rio’ de cidade da região de Sousa transborda e deságua no Rio do Peixe. VÍDEO!

Chuvas não mudam os principais açudes de Cajazeiras, Sousa, Patos e Vale do Piancó

 Barragem deságua em açude seco de São José de Piranhas

Bem perto da cidade, a barragem de Boa Vista, que conseguiu acumular muita água em 2016, mas para chegar a São José de Piranhas precisa de uma adutora de engate rápido, que foi prometida, mas ainda está em fase de licitação.

Açude da Cagepa (Foto reprodução do vídeo)

O fato é que a população já comemora a água das chuvas que está chegando ao Açude da Cagepa, que provavelmente chegará às torneiras da população bem mais cedo do que a água que deverá ser levada pela adutora.

Até essa sexta-feira (17), o açude acumulou mais de 349 mil metros cúbicos, 11,4% da sua capacidade total, segundo a Agência Executiva de Gestão das Águas.

De acordo com a Aesa, o açude já saiu da situação crítica para situação de observação. A capacidade total do reservatório é de mais de 3 milhões de metros cúbicos. Mesmo com o bom volume de água, a Cagepa ainda não restabeleceu o abastecimento.

DIÁRIO DO SERTÃO com vídeo de Francisco Cipriano de Oliveira

Deixe seu comentário




Mais Sertão