header top bar

section content

Pai pra filho: TVDS mostra rotina e cicatrizes de família de ferreiros em Cajazeiras. Veja vídeo!

Alberto mostrou passo a passo como produz suas ferramentas e as dificuldades para trabalhar como ferreiro.

Por

08/05/2015 às 17h00

A reportagem da TV Diário do Sertão visitou nesta sexta-feira (08) uma oficina para acompanhar a rotina de alguns ferreiros, profissão que venceu a modernidade e vem passando de pai para filho em Cajazeiras.

No bairro São Francisco, zona sul da cidade, trabalha o ferreiro Alberto da Silva que ganha a vida fabricando foice, roçadeiras, picaretas, entre outras peças, desde os 14 anos e aprendeu o ofício com seu pai. “É tradição na minha família. Meu bisavô era ferreiro”, disse.

Segundo ele, o ferro é fornecido de vários locais como Rio Grande do Norte e Ceará. Por semana, são comprados em média 100 quilos de ferro.

Alberto mostrou passo a passo como produz suas ferramentas e as dificuldades para trabalhar como ferreiro. “Nunca tive nenhum problema grave de saúde, mas, possuo várias cicatrizes por conta do serviço”, disse.

 

Herança – Antônio Saturnino, pai de Alberto trabalhou por 40 anos como ferreiro e disse que parou este ano. “É um serviço complicado e muito enfadonho”, disse.

Antônio disse que a modernidade ajuda o trabalho atualmente. “Hoje tudo é mais fácil de produzir do que no meu tempo”, disse. Porém, Alberto afirmou que, antigamente as encomendas eram grandes e hoje são mínimas.

Assista a reportagem da TV Diário do Sertão

DIÁRIO DO SERTÃO

A FAVOR DA REFORMA

Empresário diz que Justiça do Trabalho só penalizava os patrões e chama a CLT de ‘excrescência jurídica’

DA REGIÃO DE CAJAZEIRAS

VÍDEO: Do assassinato do pai ao sucesso na política, prefeito conta trajetória de superação no Interview

'AULÃO SOLIDÁRIO'

VÍDEO: Ordem DeMolay de Cajazeiras promove aulão gratuito preparatório para o ENEM; veja como participar

ENTRETENIMENTO

Maria Calado na TV com os integrantes do espetáculo “Trinca mas não quebra” e o cantor Lucas Soares