header top bar

section content

Pesquisador encontra osso fossilizado no Vale dos Dinossauros e descobre cinco pegadas na região de Cajazeiras

O caso foi comunicado ao Ministério Público Federal, para que seja solicitada a presença de paleontólogos para examinarem mas marcas nas rochas

Por

11/02/2014 às 08h52

O pesquisador encontrou um osso fossilizado no Vale dos Dinossauros (Foto: DS)

Na semana passada, o pesquisador Luiz Carlos, localizou um osso fossilizado no Vale dos Dinossauros, que ele acredita que seja de um dinossauro. Recentemente, o estudioso encontrou também cinco pegadas de dinossauros na zona rural de São João do Rio do Peixe. Todo material será analisado por especialistas.

Osso fossilizado
O estudioso foi juntamente com o fotógrafo Saullo Dannylck para um sitio na região da cidade de Sousa, onde iriam fotografar aves da caatinga e traços da cultura sertaneja, e Luiz Carlos aproveitou para caminhar sobre rochas cretáceas em busca de pegadas de dinossauros ou outras ocorrências da paleontologia, como faz habitualmente. Durante o passeio, o pesquisador descobriu um osso fossilizado com aproximadamente 50 centímetros de comprimento, dentro de rocha sedimentar do Cretáceo Inferior. O fóssil veio à luz, pela erosão na rocha sedimentar.


                                Pesquisador afirma que osso fossilizado pode ser de um dinossauro (Foto: Saullo Dannyck)

Luiz Carlos não informou o local exato onde encontrou o osso fossilizado, no entanto afirmou que pode ser de um dinossauro, e já comunicou o caso ao Ministério Público Federal, para que seja solicitada a presença de paleontólogos para examinar o caso.

Cinco pegadas
Recentemente no Sítio Pereiros, zona rural de São João do Rio do peixe, durante buscas aos rastros dos animais pré-históricos, o estudioso encontrou cinco pegadas de dinossauro terópoda, bípede do grupo dos carnívoros.

 
                                         Pegadas encontras na zona rural de São João do Rio do peixe (Foto: Luiz Carlos)

De acordo com Luiz Carlos, quem esteve neste sitio quando fez contramoldes em gesso das pegadas foi a paleontóloga Márcia Aparecida dos Reis Polck do DNPM do Rio de Janeiro, com auxiliares, todos do DNPM das cidades de Campina Grande, Crato e Brasília.

Veja vídeo!

DIÁRIO DO SERTÃO

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa: Em Continência ao Senhor Jesus com os membros da Igreja Fonte de Água da Vida

MARIA CALADO NA TV

Maria Calado na TV recebe diretamente do Rio Grande do Norte, Fábio Carvalho; CONFIRA!

XEQUE-MATE

VÍDEO: Vereador de Cajazeiras e educadores esclarecem polêmicas sobre a identidade de gênero nas escolas

DIÁRIO ESPORTIVO

Tudo sobre as novas contratações e a preparação dos times para o Campeonato Paraibano 2018