header top bar

section content

Governo multa criadores que não vacinaram gado em CZ; ¨Não podemos ser flexíveis¨

Os produtores não encontram mais a vacina e ainda estão sendo multados por não conseguirem vacinar seus rebanhos no prazo estipulado.

Por

04/12/2013 às 16h38

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores Rurais em Cajazeiras, Rildo Soares acionou a imprensa nessa terça-feira (03) para denunciar a falta de vacinas contra febre aftosa nas casas veterinárias autorizadas na cidade. Segundo ele, os produtores não encontram mais a vacina e ainda estão sendo multados por não conseguirem vacinar seus rebanhos no prazo estipulado.

De acordo com Rildo, somente nesta terça-feira, cerca de 25 criadores procuraram o sindicato para denunciar a situação. “A vacina acabou antes de terminar o prazo estipulado para vacinar os rebanhos. Agora, o Governo se acha no direito de multar os criadores”, disse o sindicalista.

Conforme informações, os criadores procuraram a Emater para resolver a situação e em troca receberam multas que variam de 180 a 500 reais. “Não podemos nem comprar alimento para o gado e agora vamos ter que pagar multa”, disse Francisco Ribeiro do sítio Riacho da Lagoa, um dos criadores denunciantes.

De acordo com eles, o valor da multa pode ir até dois mil reais, caso não seja pago dentro do prazo.

Ouça áudio da rádio Alto Piranhas.

[mp3:rildo_sindicato1.mp3]

Outro lado

O gerente executivo da Defesa Agropecuária, Rubens Tadeu respondeu aos criadores de Cajazeiras e disse que, o Governo não pode ser flexível com relação a multa. “O que o criador pode fazer é recorrer”, disse ele.

Segundo Rubens Tadeu, se a multa desses produtores for dispensada eles estariam sendo beneficiados e isso seria incentivar os outros criadores a não mais vacinarem o rebanho dentro do prazo.

Rubens Tadeu explicou que a norma é determinação do Ministério da Agricultura. “O criador tem do dia 01 a 30 para vacinar o gado e mais dez dias do mês seguinte para comprovar. No caso de não vacinar, o criador está sujeito a multa e não pode trafegar com os animais. Ele passa a ser um produtor inadimplente”, disse.

Ouça áudio da rádio Alto Piranhas.

[mp3:rubens tadeu1.mp3]

DIÁRIO DO SERTÃO

CACHOEIRA DOS ÍNDIOS

VÍDEO: Ex-prefeito rompe o silêncio, fala de derrota e lamenta promessa não cumprida de atual gestor

ENTREVISTA

VÍDEO: Do vício em jogo à fama, ‘Rei das Tapiocas’ de Cajazeiras conta trajetória no programa Xeque-Mate

MARIA CALADO NA TV

Programa Maria calado na TV recebe os Quentes da Pegada da cidade de São João do Rio do Peixe

EM CONTINÊNCIA AO SENHOR JESUS

Programa Em Continência ao Senhor Jesus com a participação do Sargento Souza e Marcos Alan